segunda-feira, outubro 31, 2016

Síria: 30 rebeldes mortos em emboscada em Saara nesta segunda

Pelo menos 30 lutadores rebeldes foram mortos nesta segunda durante um ataque surpresa realizado por forças sírias em uma base rebelde localizada na região de Ibtaa (Área rural de Saara).

Por Saulo Valley - O Observador do Mundo - Rio de Janeiro, 31 de Outubro de 2016

Fonte: Wikipedia Creative Commons

Foto: situação atual em 19-10-16:

Vermelho: Syrian Government, Verde: Syrian Opposition, Amarelo:Federation of North Syria (SDF), Cinza: Islamic State of Iraq and the Levant, Branco:Jabhat Fateh al-Sham

Em nota, a Coalizão Nacional Síria lamentou a morte de seus heróis que lutaram bravamente pela libertação das famílias detidas sob o cerco militar do regime sírio há pelo menos dois meses.

A CNS enviou mensagens de solidariedade para com familiares dos lutadores mortos e garantiu que estas perdas alimentam a "determinação do grupo de perseguir e esmagar o cerco" que tem condenado a população à morte por privação de suprimentos básicos e crueldades militares além dos incessantes bombardeios.

Tags: Syria, síria, cerco militar, oposição, rebeldes, FSA, Saulo Valley,

Síria: Forças rebeldes lutarão para varrer forças de ocupação de Aleppo Oriental em nova ofensiva

Em renovada ofensiva anunciada nesta segunda 31 de Outubro, as forças rebeldes conjuntas lideradas pelo FSA (Free Syrian Army) Exército Livre pretendem repelir as forças de ocupação do regime sírio que são apoiadas pelas forças russas. De acordo com a nota, a nova operação visa liberar a região oriental de Aleppo das forças que sitiaram a cidade - Continue Lendo

Por Saulo Valley - O Observador do Mundo - Rio de Janeiro, 31 de Outubro de 2016

Foto Cortesia de FredomHouse Creative Commons via Flickr
Na última sexta as forças rebeldes anunciaram substancial superioridade e afirmam ter expulsado as forças do ditador Bashar Al-Assad da região ocidental de Aleppo, reduto rebelde desde início do conflito em 2011.

Assalto em larga escala

De acordo com o anúncio oficial, as forças rebeldes se preparam para uma série de ofensivas em "larga escala" contra bases militares oficiais do regime Assad no leste de Aleppo, destroçando as forças que avançam por Hamdaniya, aonde acontece agora um violento confronto numa região habitacional que compreende 3.000 apartamentos no grande subúrbio no oeste da cidade.

De acordo com a fonte rebelde, o presidente da Coalisão Síria em Aleppo Anas Abdah elogiou a bravura dos lutadores rebeldes que estão neste momento empurrando as forças de Assad para fora da cidade.

A nova fase da batalha pela libertação da cidade da ocupação síria foi batizada de "Grande e Épica Batalha de Aleppo".

Tags:

Síria, Revolução Síria, crise internacional, Syria, Aleppo, ocupação, rebeldes, Free Syrian Army, FSA, Assad, Saulo Valley, O Observador do Mundo, 

sexta-feira, outubro 28, 2016

PEC 241 e os gastos com políticos

A PEC 241 tem se mostrado como uma verdadeira enganação. Fica bem claro que a proposta do governo Temer é retirar de seus ombros a responsabilidade de se adequar e investir em saúde e educação enquanto a classe política não só continua esbanjando mas reajustando o próprio salário em níveis que afrontam a sociedade brasileira.

À cada novo dia o governo temer se parece mais com o governo Dilma ( quando não está apontando fraudes e desvios cometidos pela gestão da ex-presidente).

À cada novo dia Renan Calheiros se parece mais com Lula, desafiando todas as leis constitucionais que deveriam impedir seus abusos de poder e uso do cargo para interesses particulares.

À cada novo dia o STF se divide e a opinião pública repudia tantos favores políticos sendo exercidos em defesa de criminosos de colarinho branco, a supressão da Polícia Federal e a perseguição aos juízes federais e à Polícia Federal.

À cada dia o Brasil acorda sabendo que o tempo deste atual governo está se esgotando porque se mostra conivente com a corrupção política que sangra e mata o país.

À cada dia fica mais claro que ser presidente da república tem sido tão prazeroso quanto ser bilionário e usufruir de um poder inigualável no mundo. Fica claro que este comportamento está muito visível na face de nossos líderes que aliás chegaram ao poder por meios ainda pouco claros.

A PEC 241 só foi aprovada em tempo recorde porque é uma fraude contra a economia nacional e contra a classe pobre. Um abuso contra a saúde nacional e a educação popular. Até porque congela os salários dos professores e de profissionais da saúde mas os funcionários dos três poderes seguem livres para reajustar salários e mordomias quando desejarem.

A manutenção do STF com os ministros atuais dando a impressão que são operadores de mesa de apostas em um casino político chamado Brasil ta cada vez mais explícita que os três poderes estão completamente inadequados para a atual realidade nacional, juntamente com as leis que os mantém intactos no abuso do poder sem mesmo terem feito concurso público, o que já devia ter sido modificado na lei

Praça dos três poderes - Creative Commons via Wikipedia

Fica à cada dia mais urgente que esta constituição precisa ser revisada, corrigida e estas autoridades constituídas precisam ter suas carreiras investigadas e apuradas.

sexta-feira, outubro 21, 2016

Facebook lança antivirus próprio e faz varredora em computador de usuários

Até que ponto em troca de acessar uma Rede Social gratuitamente você pode ver sua privacidade sendo invadida sem que você possa dizer não? - Continue lendo:



Por Saulo Valley - O Observador do Mundo - Rio de Janeiro, 20 de Outubro de 2016

Você cria gratuitamente seu perfil na Rede Social Facebook. Então o Facebook te oferece não só um espaço para aglomerar amigos, como para hospedar sua empresa, criando gratuitamente uma página dedicada. Enquanto você adiciona todos os dados pessoais ou de sua empresa ao seu perfil ou página o Facebook vai desenvolvendo recursos para que você obtenha os melhores resultados em sua proposta.

De repente você está online e surge uma janela de "poup menu" dizendo que você foi deslogado. Uma vez off-line você tenta fazer o login e recebe a informação do Facebook de que seu computador pode estar disseminando "links maldosos" na rede social e que sua conta foi "bloqueada" e a única forma de você voltar reativar suas atividades é baixando um arquivo executável que pesa 2,61 megas que vai "escanear seu computador em busca de vírus" que sejam "malware".

Mas você já tem um, dois, três antivírus instalados, então pensa: "Não preciso de mais um, ainda mais que não conheço". Então você decide não baixar o "Facebook Malicious Cleaner". OK! O Facebook não te permite mais retornar!

Mas acontece que  você gastou um bom dinheiro divulgando sua página no Facebook e pensa em todas as suas fotos publicadas, seus amigos..

Depois de muitas tentativas inúteis que sempre te levam para o mesmo aplicativo, você decide arriscar e baixar o aplicativo. Minutos depois de instalado e habilitado ele te informa que seu computador está limpo! Então você recebe o convite para retornar à rede social.

Este tipo de invasão não deveria estar bem destacada e acessível para todos os usuários, e não deveriam haver alternativas que não te obrigam a ter todos os seus arquivos varridos por um aplicativo de uma rede social?

A finalidade de uma rede social é varrer os dados e os arquivos pessoais dos seus usuários?

Tags: malware, Scanner, invasão digital, política de privacidade, facebook, antivírus, internet, Redes Sociais, Saulo Valley  Notícias, O Observador do Mundo, 

Milhares de Sírios protestam em Aleppo sitiada contra ocupação síria com apoio da Rússia

Quase seis anos depois dos primeiros protestos contra o governo serem repelidos com tamanha violência ao ponto de evoluir para uma guerra armada entre governo e opositores que já matou mais de 300.000 pessoas entre mulheres, crianças, jovens, idosos, militantes e soldados, as manifestações retornam em oposição à ocupação militar da cidade rebelde de Aleppo, depois de dois meses de violentos ataques aéreos e terrestres que matou mais de 2000 pessoas e deixou outros milhares de feridos, demolindo hospitais de matando profissionais de saúde.

Por Saulo Valley - O Observador do Mundo - Rio de Janeiro, 21 de Outubro de 2016



Com base nos eventos passados, já podemos garantir que muitos destas pessoas que figuram no vídeo estarão mortas pelo regime de Al-Assad em breve. Como as manifestações estão proibidas por lei militar, o regime de Assad condena à morte toda e qualquer desobediência civil.

Em uma campanha pela conscientização política em meio aos debates entre os presidenciáveis americanos Hillary Clinton e Donald Trump o Jornal Hunffington Post produziu um vídeo pedindo respostas ao governo americano pelo cerco militar e a ocupação de Aleppo.

O vídeo pede o fim da morte de populares e um solução real para a crise que parece não ter um final à vista.

Tags: Aleppo, Damasco, Síria, Rússia, protesto, ocupação, cerco militar, Saulo Valley  Notícias, O Observador do Mundo, manifestação popular, 

terça-feira, outubro 18, 2016

Que força está por trás do STF?

O STF trabalha pra quem? Será que os frutos servem para descrever sua árvore? Continue lendo:


Por José Cruz - Agência Brasil, CC BY 3.0 br, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=47620918
Por Saulo Valley - O Observador do Mundo - Rio de Janeiro, 18 de Outubro de 2016

No Brasil só existem duas correntes políticas: A que sobrevive da corrupção e a que tenta sobreviver longe dela. Enquanto estes dois lados brigam entre si, a justiça brasileira busca equilibrar esta guerra, com base em sua própria razão de existir, mantendo a função de proteger os interesses do país, garantir o cumprimento da Constituição Federal e dar ao povo brasileiro a certeza de que "nada escapa dos longos braços da lei".

Esta confiança está cada vez menor e a julgar pelas notícias mais recentes sobre as decisões do STF em benefício de criminosos políticos que cometeram assombrosos desvios aos cofres públicos, como o concedimento do perdão a José Dirceu no inquérito do "Mensalão", a decisão de fatiar a "Operação Lava Jato", retirando o Juiz Sérgio Moro do comando da mesma e distribuindo aos MP dos estados..

Esta confiança está indo de ladeira abaixo na mesma velocidade que cresce a certeza de que a manutenção do atual presidente Michel Temer (que era vice da presidente deposta Dilma Roussef), a suspeita de que Renan Calheiros (mesmo processado em 12 inquéritos em andamento por corrupção e lavagem de dinheiro) poderá ser chamado para chefiar o Ministério da Justiça em 2017 ..

Estamos tendo um flash de "Dejavu" que arremete ao primeiro semestre deste ano durante a desenfreada correria do Planalto, incluindo a então presidente Dilma e seu mentor e ex-presidente Lula para invalidar as provas e as acusações que se acumulavam contra eles na Lava-jato.

Enquanto o atual governo trabalha para dar mais "transparência" por meio da CGU, criando perfis acessíveis na redes sociais e aumentando a comunicação com a população (como quem quer ouvir o que se diz ou pensa) vemos uma poderosa articulação para que todas as expectativas da população com relação à Lava-jato sejam desviadas para os órgãos do governo que são controlados pelo próprio Planalto. Uma corrida para desviar atenção popular do Ministério Público Federal do Paraná e sufocar a operação Lava-jato gradativamente.

Uma das grandes estratégias do governo Temer foi abrir seu governo para os militares, trazendo para perto de si a cúpula das Forças Armadas para usar seus recursos segundo seus interesses. Como um presidente interino trabalha tanto (como vem trabalhando mesmo com apenas dois anos de mandato) se anuncia que não concorrerá à presidência em 2018?

Não é uma aposta mas tudo leva a crer que Temer poderá não mais deixar o governo se as coisas estiverem sendo articuladas como estão. A neutralização das forças de investigação da Polícia Federal quanto aos crimes políticos, o enfraquecimento do Ministério Público Federal do Paraná, e o compartilhamento das atribuições da Lava-jato com o MP de São Paulo ( que muitos de seus membros têm demonstrado ser bastante comprometidos com o PT) e a aliança reforçada com a cúpula das Forças Armadas... pode ser sim o anúncio de que estamos para ver a continuidade de um golpe de estado em andamento.

O tipo de atuação do governo Temer não se parece com um governo interino, mas com a construção de bases para um regime de governo civil-militar agressivo.

À princípio de conversa o mesmo governo que levanta os crimes cometidos pela oposição, tenta proteger os criminosos do lado governista.

Michel Temer no poder não era pra ser mesmo a "salvação da lavoura", afinal ele foi eleito com os mesmos votos de Dilma Roussef e sobre ele ainda pesam acusações de crimes de corrupção que estão sendo investigadas pela mesma Polícia Federal na mesma Operação Lava-jato que permite que seus aliados políticos e membros do STF tentem silenciar e enterrar.

Outra pergunta interessante: Porque o nome da aclamada Ministra Cármen Lúcia atual presidente do STF desapareceu da mídia e os nomes de Lewandowisk e Tóffoli ganham destaque?

Tags: STF, operação Lava-jato, MPF, corrupção ativa e passiva, Dilma Rousseff, Michel Temer, lula, Sérgio Moro, Polícia Federal, Saulo Valley, O Observador do Mundo,

sexta-feira, outubro 07, 2016

O Rio de Janeiro está sitiado e precisa de um milagre político - O Observador do Mundo

Pior que cair num precipício sem ter percebido o perigo antes, é andar na direção dele sabendo que não tem opção - Continue lendo

By RIA Novosti archive, image #79113 / Alpert / CC-BY-SA 3.0, CC BY-SA 3.0, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=16751965
Por Saulo Valley - O Observador do Mundo - Rio de Janeiro, 07 de Julho de 2016

A cidade do Rio de Janeiro está em total desespero. Por todas as redes sociais estão visíveis as manifestações de angústia, sentimento de opressão, pressão psicológica e amargura de saber que nossa cidade poderá continuar debaixo do jugo das máfias e milícias, crime organizado e seitas religiosas cujas atividades já cansaram de estarrecer o país.

O pior de tudo é que todo este pesadelo virá sobre a cidade por voto popular, isto porque a atual política não oferece um candidato acima de qualquer suspeita. Todos são suspeitos de trabalhar em função dos grupos que representam e potencialmente explorarão todos os recursos da cidade em detrimento de interesses particulares. Um vício político que se enraizou na antiga "Cidade Maravilhosa" até que se tornou num "Curral Eleitoral Maravilhoso" para quem está no poder!

Tudo dominado, e aquela história de combater o crime organizado, combater as milícias, combater a violência, etc é muito ao contrário!

Temos a dura missão de decidir o que é menos pior pra cidade e não temos escolha legitimamente satisfatórias! As eleições estão assemelhando meros candidatos a cargos públicos à pessoas de sorte que acertam na loteria com premiação milionária acumulada muitas vezes!

Estamos novamente no mesmo pesadelo que em 2002 forçou o povo brasileiro a eleger Lula, pra não ter que colocar José Serra e Garotinho no poder absoluto! Todo este esforço desesperado para quebrar o círculo vicioso político que estava formado, tendo a trágica atuação de Collor de Mello como ápice.

Com Lula no poder o país se arrastou para o abismo, depois dos primeiros 4 anos de promessas, sorrisos, namoro e amizade. Agora que a velha estrutura do "regime vermelho" está sendo demolida, novas estruturas estão se erguendo e o Rio, certamente é uma cidade que está prestes a repetir os erros de todos os passados.

A culpa é do sistema que rege a política deste país!

Não temos direitos que nos proteja, temos obrigações de cumprir as regras dos que nos oprimem, mesmo quando a ideia apresentada, é aquela que o candidato é funcionário da cidade ou do país!

Pra melhorar a situação calamitosa que o Brasil vive, só mesmo uma auditoria federal  e uma reforma de toda gestão política, inclusive do TRE. O país precisa se erguer, mas vive dominado por poderosos e suas redes de dominação. O Ministério Público e a Polícia Federal deveriam ter o poder de levantar a vida e os laços que embasam os interesses dos candidatos a cargos públicos desde presidentes, governadores, prefeitos, senadores, deputados a vereadores!

À cada novo dia novos mafiosos assumem o poder. É sempre a mesma coisa, porque já está registrado no sistema político que "Política não é lugar para pessoas honestas!"
A crise é tanta que se uma pessoa que antes era amada, considerada digna e trabalhadora anuncia sua candidatura, já perde 50% de seu brilho diante dos que observam de perto, ao longo dos anos.

Quem tem o poder para mudar esta odiosa realidade?

Ou quem está no controle das leis, ou quem está abaixo dela mas em grande maioria numeral.

A corrupção política quando se aprofunda num sistema de governo só tende a levar o povo à guerra.
Lembre-se que quando você elege um político que tem laços sujos ele fatalmente passará a escrever e votar as leis que vão favorecê-lo como "caçador" e você como "caça" neste sistema.

Pense nisto:

"Se todo empregado doméstico fosse traficante, sequestrador e assassino, ninguém aceitaria mais ter esta classe de empregados cuidado de sua vida, mas os políticos são o inverso?"
Acorda Brasil, vamos mudar este quadro! A próxima tragédia pode ser muito pior que a última que vimos na gestão do Partido dos Trabalhadores, e do jeito que vai, as tragédias serão sucessivas e já estão anunciadas!

Tags: política, fim da corrupção, abuso de poder, dominação, ditadura, democracia, TRE, MPF, PF, STE, Brasil, ELEIÇÕES, Saulo Valley, O Observador do Mundo, 

terça-feira, outubro 04, 2016

Razões para não votar que o governo brasileiro ignora - O Observador do Mundo

Quando um uma campanha política um candidato usa esta frase: "Use o seu poder de voto para mudar o Brasil!", na verdade não tem noção da grandeza do poder do "não voto"!  - Continue Lendo:



Por Saulo Valley , O Observador do Mundo - Rio de Janeiro, 04 de Outubro de 2016

A arrogância política, a auto suficiência dos políticos brasileiros chegou ao cúmulo de fazê-lo pensar que nem precisa de eleitores para ser eleito. Basta contar com o partido. Basta comprar um lugar à sombra e pronto! Mas a realidade hoje não é mais esta.

Em tempo de mudanças o Brasil vem buscando acertar o caminho para a auto-suficiência e o crescimento sustentável. Experimentamos o governo militarizado e encontramos várias limitações na gestão das cadeias de comando. Experimentamos a Democracia com foco no capitalismo e despencamos num abismo de recessão, inflação e empobrecimento nacional. Migramos para o Socialismo democrático e afundamos num mar de corrupção seguido de falências e endividamento nacional.

Este é o momento que o Brasil vai tentar um novo caminho. Desta vez tentando ser mais flexível com e ao mesmo tempo não fazendo vista grossa para os problemas que ocasionaram a falência dos sistemas de governos anteriores. Este é o tempo de mudança...

Mas no topo da cadeia de comando há políticos velhos e matreiros que visam permanecer no controle do oxigênio nacional. Querem enriquecer vendendo nosso sangue e o povo brasileiro hoje já está mais atento. Sabe que embora o governo passado tenha tentado desmerecer as manifestações, que há outras formas mais eficientes de protestar e de exigir que a corrupção deixe de ser o programa de governo de todo político no poder.

.. E por causa destes eventos passados que o Brasil decidiu que a melhor manifestação contra os abusos da comunidade política é a anulação ou a abstenção ao voto. O maior recado que o governo ainda não entendeu?

Que o povo já se cansou de votar em macacos, palhaços e personagens de desenho animado ou da crença popular. O Brasil precisa de um corpo de administradores sérios, precisa de homens honestos e trabalhadores no topo desta pirâmide que começa estreita no topo e termina larga na base, que representa o tamanho do poder que cada camada social detém até chegar a delegar alguma autoridade ao político eleito.

Quando você contrata uma empregada doméstica, um motorista, um segurança e uma governanta, não quer dizer que você abriu-mão de todos os seus bens, sua casa e sua família. Você não passou a procuração de seus bens para seus funcionários, apenas o contratou para ajudá-lo na manutenção de sua estrutura, enquanto você precisa sair todos os dias para trabalhar e gerar mais recursos para sustentar esta estrutura.

Porque então que quando elegemos um administrador de nossa estrutura ele quer tomar tudo para si e impedi-lo de ter acesso e controle sobre o mesmo?

A concepção de política do Brasil anda muito distorcida na mente de quem se candidata a um cargo público. O termo é exatamente este: CARGO público. São empregados que precisam passar pela aprovação popular para ter direito de representar seu próprio povo ao longo de seu mandato... mas não é assim  que o sistema pensa. Não é assim que os partidos trabalham.
Dominados por lei de obrigatoriedade do voto, a população precisa se adaptar ao entendimento do que é certo ou errado com base nos candidatos disponíveis para o voto, ou seja:

Numa eleição hoje em dia temos as piores opções possíveis. O povo que não tem poder de polícia, sabe quando um candidato é miliciano, ou traficante, ou trabalha para organizações criminosas, ou mesmo por suas práticas comerciais ilícitas, abusos etc...

Com o voto obrigatório muitas vezes se vê numa verdadeira berlinda, quando tem que decidir entre eleger um miliciano ou um estelionatário. Escolher entre um assassino e um administrador fraudulento. Sem opção o eleitor brasileiro se arrasta até as urnas, sabendo que seu voto será manipulado depois de registrado numa urna eletrônica e que sem opção de escolha deverá eleger alguém para roubar o Brasil.

Quase sempre, nos últimos 30 anos o eleitor brasileiro teve que escolher entre o que deverá roubar muito e o que deverá roubar um pouco menos. Quando é que este curral eleitoral nacional vai se desfazer? Quando é que vamos deixar de ser obrigados a votar em criminosos e quando vamos deixar de votar por vias duvidosas, como as urnas eletrônicas ?

Ah... Em tempos de eleições disseram que as urnas eletrônicas são seguras e à prova de invasão hacker..

Mas o que tornam as urnas eletrônicas inseguras não é o fato de ser ou não à prova de invasão, mas o fato de que quem está no poder passa a deter o controle dos arquivos e manipula conforme seu entendimento e suas necessidades. Vimos isto em 2014.

Por esta razão é que os petistas queriam tanto novas eleições, porque sabiam que podiam manipular os votos, uma vez registrados nas urnas eletrônicas. Felizmente o eleitor brasileiro acordou e manda uma mensagem para todo eleitor espalhado na face da terra que não somos obrigados a eleger candidatos impostos pelo crime organizado, ou por partidos corrompidos ou mesmo por seitas e religiões opressoras e capitalistas. Somos inteligentes e capazes de discernir um bom candidato dos maus candidatos. Mas sabemos que à partir da urna eletrônica, passando pelos partidos, a contagem e venda ou manipulação dos votos, que este sistema é falho, insuficiente, surreal, manipulador e está longe de ter como foco, eleger zelosos, confiáveis e verdadeiros administradores de nossas riquezas.

Por esta razão cresce no país os que não abrem-mão do direito de NÃO VOTAR! Pelo menos não somos espancados pela polícia, não somos atacados com balas de borracha e não sofremos os efeitos das bombas de gases nocivos.

Gráfico mostrando o índice de escolaridade dos candidatos
(prefeito+vereador) da eleição municipal de Curitiba em 2012.
Fonte: Wikipédia
Ou a política muda ou acaba. O Brasil não pode mais eleger políticos incapazes, inabilitados, ineficientes, e que em muitas das vezes estudaram menos que nossos filhos.

Hoje temos no poder homens e mulheres sem estudo, que não são capazes nem de entender suas funções, enquanto que são assessorados por homens concursados, que estudaram 15, 20 anos ou mais para ter a capacidade de assessorá-los assumindo um cargo elevado, como ministros do STF... Enquanto elegemos presidentes que mal sabem assinar seus nomes ou falar em público.

Isto não é democracia, isto é suicídio político e administrativo.

Tags:
fraude eleitoral, ELEIÇÕES, corrupção, governo, voto, Urnas Eletrônicas, justiça eleitoral, cargo, mandato, candidato, Saulo Valley, O Observador do Mundo, BRASIL, 

Artigo em Destaque

EDITORIAL - O Brasil é perfeito para quem não teme o trabalho honesto

Temos que combater os esforços da mídia paga, que visa fazer as pessoas amarem mais o mal que o bem. Se você concorda leia, comente e compa...

Leia também: