sexta-feira, dezembro 30, 2016

O que é Desobediência Civil diante de um governo que descumpre todas as leis?

Quem se lembra destes famosos ditados populares: "A Lei é feita pra ser cumprida" e "O crime não compensa!" sabe que eram termos usados para educar jovens infratores pra que desistam de cometer crimes contra a lei. Mas os crimes são praticados por legisladores, juízes, advogados, delegados, policiais e outras autoridades como fazer valer a lei estabelecida na Constituição Federal?

Fonte: Senado Federal no Flickr - Uso Público

Por Saulo Valley - O Observador do Mundo - Rio de Janeiro, 30 Dezembro de 2016

O Brasil vive um momento estarrecedor em que os maiores crimes têm sido sistematicamente praticados por autoridades evidentes nos três poderes, da Presidência da República às forças policiais auxiliares.

Exemplos de que a lei que eles mesmos deveriam redigir, validar e cobrar obediência não tem o valor merecido ou mesmo essencial para manter a ordem e o progresso de uma nação.

Com o estatuto de direitos e deveres do país usado como papel higiênico por senadores, presidentes, deputados, juízes, prefeitos, governadores, policiais em geral, a pergunta que fica é:

Quem tem obrigação de obedecer cegamente a Constituição?

Constituição esta vastamente adulterada, editada, adaptada para favorecer o crime organizado que sitiou o governo nacional com políticos corruptos, muitos deles inseridos pelas próprias organizações criminosas que representam.

Cada vez mais irritado o Brasil não aguenta mais ver a cara de pau que ministros do STF legislam em favor da classe política, usando todo seu poder (atribuído pela Constituição) para blindar altos funcionários públicos que protegidos por imunidade parlamentar, têm seus processos arquivados pelo conselho de ministros da justiça. Enquanto a Polícia Federal investiga a corrupção e o Ministério Público Federal gerencia os arquivos que apontam para 10 trilhões de reais desviados dos cofres públicos pelos mesmos políticos que o Supremo Tribunal Federal protege, insenta, perdoa e mantém a atividades política.

Em outras palavras mantém a corrupção ativa e protegida das leis que figuram num constituição que só tem validade na hora de julgar a população.

Neste caos sem fim o Brasil vai vendo o sangue da tolerância chegando ao limite nacional e toda esta comunidade corrupta e exploradora vai acabar pagando caro não por causa da lei que eles mesmos escrevem, mas por causa da ética, da moral e do civismo que rege a consciência do povo brasileiro independente dos regimentos criados por fantoches e criminosos de colarinho branco.

Tags: Corrupção, abuso de poder, crimes políticos, constituição, STF, legislação, Congresso Nacional, Senado Federal, Saulo Valley, O Observador do Mundo,


Artigo em Destaque

EDITORIAL - O Brasil é perfeito para quem não teme o trabalho honesto

Temos que combater os esforços da mídia paga, que visa fazer as pessoas amarem mais o mal que o bem. Se você concorda leia, comente e compa...

Leia também: