segunda-feira, maio 16, 2016

Jornalistas, blogueiros e escritores petistas infiltrados envenenam e confundem leitores

O governo Dilma gastou milhares de reais para manter escritores e profissionais em redes sociais escrevendo como se fosse gente da massa. Eles tomaram conta dos blogues, Facebook, Thumblr, Twitter, Google+ e Instagram, além de infiltrados nos maiores sites de notícias do país.

Por Trailer screenshot - The Great Dictator trailer, Domínio público, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=8971705
Por Saulo Valley - O Observador do Mundo - Rio de Janeiro, 16 de Maio de 2016

Com todos os veículos de mídia contaminados, haja paciência para separar o que é jornalismo imparcial e o que é jornalismo pago com dinheiro da corrupção petista.

Exemplo disto é a publicação feita neste Domingo sobre a entrevista do presidente interino Michel Temer ao programa Fantástico na TV Globo:

"Entrevista de Temer tem panelaços pelo Brasil"

Não é pelo Brasil, foram pequenas manifestações localizadas em "São Paulo, Rio e Porto Alegre", locais aonde o PT exerce maior atividade! Eu por exemplo moro no Rio de Janeiro e em contato diário com o público e só ouvi falar de "panelaço" nestas publicações.

São falsas matérias. São escritores que publicam artigos tendenciosos e de interesse pessoal. São escritores e jornalistas que receberam para fazer estas publicações pró-Dilma.

Na prática, o Brasil está torcendo para o governo Temer dar certo. É o que se vê nas redes sociais, é o que se ouve nas ruas, é o que se percebe quando autoridades não politizadas falam sobre o momento atual.

Se houve "golpe", a única forma de matar uma serpente venenosa é com golpes certeiros na cabeça, ou no pescoço dela.

Então quando o novo governo tenta se organizar aparecem estes escritores irritantes criticando a tudo o que é louvável, mas que no fundo atinge em cheio a corrupção que os sustentou até agora.

Foi correta a decisão do novo governo de desmontar o MINC. Correto cortar órgãos que eram apenas cabide de emprego para vagabundos corruptos e estelionatários, falsificadores e verdadeiros golpistas.

Quem nunca tentou fazer um projeto visando ser aprovado pela Lei Rouanet e logo não foi abordado por espertalhões que se diziam "proponentes culturais" e que ofereciam projetos pre-aprovados, para ser adaptados ao seu projeto?

Poi é, um monte de gente sem ter o que fazer, que vive escrevendo coisas duvidosas, matérias tendenciosas, opiniões pagas.

Aí olham para o novo governo e dizem: Está faltando a cota de negros. Está faltando a cota de mulheres. Está faltando a cota de deficientes. Está faltando a cota de gays!

No governo anterior faltava a cota de pessoas honestas, que amavam o país e que queriam que nossa nação se tornasse uma potência. Faltou a cota de pessoas que tinham honra e acima de tudo não se vendiam por migalhas, nem por montanhas de dinheiro. Faltou a cota de jornalistas e blogueiros que não escreviam cegamente de acordo com o editorial estabelecido pelo Partido Dos Trabalhadores.
Agora que toda a sujeira vem vindo à tona, tentam usar a mídia pra esfumaçar as verdades.

Como na guerra real, esta atividade é conhecida como "inteligência e contra-inteligência".

Então o leitor brasileiro vai precisar ter paciência para decidir no que acreditar. Usar bom senso para interpretar quando uma mídia é tendenciosa e quando ela é honesta e imparcial, como determina a lei básica do jornalismo. Pior que ser tendenciosa ainda é quando a mídia é exagerada ou mentirosa. Você não deve aceitar isto, nem compartilhar conteúdo venenoso.

Quando recebo um link automático do jornal "O Globo Online", percebo que pela manhã sempre tem uma publicação paga pelo PT. Matéria que nem leio. Até os "Top Trends" foram contaminados por hastags pagas alimentadas por twiteiros ativistas e militantes do PT, para fazer parecer uma manifestação popular online.

O Thumblr ainda é pior! O perfil oficial, que deveria publicar assuntos de interesse dos usuários, como sugestões técnicas, melhorias na rede social etc, virou um verdadeiro palanque político com publicações intitulada de "Golpe" em nome da própria administração da rede.  Absurdo.

Vamos limpar esta cultura manipuladora das nossas mídias!?

Artigo em Destaque

EDITORIAL - O Brasil é perfeito para quem não teme o trabalho honesto

Temos que combater os esforços da mídia paga, que visa fazer as pessoas amarem mais o mal que o bem. Se você concorda leia, comente e compa...

Leia também: