Pular para o conteúdo principal

Translate this Page

Redução da Maioridade Penal é abusiva pra quem?

O governo Dilma trabalha para derrubar o projeto que já vem sendo debatido ao longo de 20 anos. Mas afinal: A quem interessa esta explosão de criminalidade infanto-juvenil?

© Jorge Royan / http://www.royan.com.ar, via Wikimedia Commons
Por Saulo Valley - O Observador do Mundo - Rio de Janeiro, 31 de Março de 2015 - 10:51 GMT-3

A violência no mundo tem crescido radicalmente assim como a população dos grandes complexos penitenciários. Do lado de dentro homens poderosos e influentes em diversas camadas da sociedade, que utilizam a força armada como forma de impor respeito aos seus próprios nomes. Cercados de fiéis soldados estes encarcerados tornam-se "homens invisíveis" sob proteção do estado. Controlam tudo de suas salas de comando e gastam o tempo livre para estudar a lei e suas fraquezas, bem como gerir seus negócios à partir de uma central de comando protegida, cercada altos muros, guardas uniformizados (ao ponto que alguns dos funcionários da segurança acabam trabalhando diretamente para o crime).

Com a lei bem presente na cabeça, os criminosos aproveitam a brecha da menor idade e seus apelos. Um menor nas ruas parece tão frágil... Mas seus crimes também estão causando impacto na sociedade tudo isto graças a impunidade que a lei lhes garante.  Afinal estes mesmos menores são detentores do direito ao voto e isto interessa muito para um governo que perde à cada minuto uma legião de eleitores!

No lado do governo o interesse parece ser muito grande. Proteger menores infratores que cometem crimes hediondos tem sido uma luta ferrenha do regime do "Partido dos Trabalhadores", que por estranho que pareça perde mais tempo protegendo criminosos e explorando e matando trabalhadores. A prova disto é que os hospitais estão aí: Lotados de trabalhadores e suas famílias doentes morrendo, com seus benefícios reduzidos enquanto que aumentam-se os recursos para os MST, a proteção de criminosos dentro e fora das cadeias e os beneficiados com a Bolsa-Família. Ou seja: quem trabalha não tem direitos e quem não trabalha tem o apoio direto do governo. A defesa de criminosos brasileiros condenados na indonésia, demonstra que o nosso governo trabalha mais para o crime que para a população que trabalha. 

Outra situação que chama a atenção é o caso dos policiais militares expostos nas UPPs. Um programa de "segurança pública" que tem mais furos que um queijo suíço, que não ataca a violência na sua raiz e cria novos formatos de criminalidade, atacando redutos e espalhando criminosos pelo país. Só quem paga pela violência são os trabalhadores policiais e a população que continua sendo vítima das balas perdidas. Sem qualquer infraestrutura, as pretensiosas UPPs nem chegam perto 10% do objetivo anunciado, mas assim continuam ativas e mais inocentes morrem. Só que além de moradores, agora temos os profissionais da segurança. Praças e oficiais civis e militares atirados como iscas aos lobos, sem recursos. Iludidos por programas de motivação e propaganda enganosa do governo.

Como é sabido, em qualquer grupo social cuja liderança seja removida, se ficar vazia vai abrir brechas para novas disputas. Assim a guerra do tráfico cresce com a retirada dos traficantes sem que ninguém ou nada que o estado faça consiga substituir esta autarquia criminal. Com isto mesmo presos estes continuam sendo necessários para o crime. Não há um serviço de infiltração que mine suas estratégias nem suas organizações. São estáveis e possivelmente mais bem estruturadas que as estatais e organizações policiais do atual governo.

Quanto custo condenar um menor?

O fato é que o governo não quer gastar com a criação de centros de detenção para jovens criminosos, o que será uma necessidade urgente. Mas por outro lado, os 3 Bilhões desviados ou desperdiçados pelo governo PT desde sua ascensão ao palácio do governo parecem ter uma utilidade agora. É claro que o Brasil tem dinheiro para criar um sistema de reeducação para jovens criminosos, mas a verdade é que o sistema prisional atual não reeduca a ninguém, desde que existe um descontrolado mundo paralelo do crime por detrás das grades. Para o Estado, suas ebulições podem ser combatidas com cassetetes, bombas de gás de efeito moral e jatos de água... Mas a questão é mais política que de ação física. 

Pra quem já vive nas favelas, nos becos, nos barracos e na pobreza das comunidades carentes, a vida do crime compensa até pra quem está preso. As estratégias do governo deveriam ser convertidas no sentido de provar que o crime não compensa. Mas não é o que acontece. Até porque os crimes cometidos pela maioria dos funcionários dos governos estão provando que compensa mais ser criminosos que ser honesto. Ah... precisamos criar complexos penitenciários também para os funcionários do Estado quando cometem crimes contra as estatais e os cofres públicos e privados.

Temos uma Organização Governamental dos Direitos Humanos que só defende grupos de interesse político do governo. Direitos Humanos também atua contra abuso de poder e de autoridade além da corrupção. Não vemos este setor trabalhando para tal, apenas quando o réu é um criminoso ou gay. Porque os Direitos Humanos no Brasil não são utilizados pra proteger por exemplo, os milhares de trabalhadores que são conduzidos como sardinhas em lata todos os dias pelos trens, BRTs e metrôs deste país?

Ah e já que Dilma e Lula se inspiram em Cuba, lá a Maioridade Penal já é 16 anos!

Tags: crime organizado, crianças, bandidagem, cadeia, redução da Maioridade Penal, PEC, criação de lei, Saulo Valley, O Observador do Mundo, 

Postagens mais visitadas deste blog

A nova vida do Advogado Ércio Quaresma ex-defensor do Bruno Goleiro.

Ele subiu ao topo. Tornou-se um dos defensores mais admirados no cenário jurídico. Por um contrato milionário, foi defensor do Bruno, Goleiro do Flamengo, no caso do assassinato de sua namorada Elisa Samúdio, até que foi pego se drogando em uma cracolândia na região metropolitana de Belo Horizonte.


Por Saulo Valley - Rio de Janeiro, 25 de Novembro de 2011 - 07h26min.
O Dr. Ércio Quaresma foi professor de Direito na UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais). Durante mais de 20 anos de carreira, cometeu deslizes não muito comuns, em se tratando de pessoas do seu nível e de sua formação; Por outro lado foi realizou defesas espantosas, dignas de meste. Se especializou na defesa de acusados de crimes hediondos por assassinato em 1º Grau obtendo bons resultados quase sempre. Isto porque em alguns casos o criminoso era indefensável, digno de toda culpabilidade e nada mais lhe restaria a não ser a pena máxima.

Mesmo assim sua experiência na defesa de criminosos praticamente condenados foi ex…

A implantação e queda do comunismo socialista e o "Decálogo de Lenin"

O "Decálogo de Lenin" é um resumo do pensamento da implantação do comunismo de modo mais "social". Escrito por um brasileiro de Sorocaba, a obra, por incrível que pareça descreve exatamente a tragédia que o Brasil vive hoje sob a luz do Partido dos Trabalhadores - CONTINUE LENDO:

A "Revolução Bolivariana" era ainda um sonho de Chávez de unificar toda a América Latina sob seu comando. Ele pretendia instalar um regime comunista duro, com maior apelo social mas que culminava no empobrecimento de todas as camadas abaixo dele, e o enriquecimento exclusivo do Estado militarizado e de seus líderes.   Para isto Chávez contava com militantes de esquerda em todo o território latino, e depois do fracasso dos anos 60, finalmente nas últimas duas décadas, conseguiu colocar seus "agentes laranja" no poder em diversos países, entre eles Brasil e Argentina.

Quando o Brasil aderiu ao "Comunismo Socialista", por meio da comemorada ascensão de Luis Ináci…

Aliaa Magda ElMahdy nua é desejada, perseguida, processada, linchada e morta. Um símbolo?

Ela nem se considerava bonita, muito menos sexy. Decidiu se expor como forma de denunciar de modo marcante, o abuso sexual que as mulheres egípcias sofrem, espancamentos e indiscriminação, mas no campo da religião, Aliaa Magda é tida como um monstro.


Por Saulo Valley - Rio de Janeiro, 03 de Dezembro de 2011 - 06h50min.
 De adolescente a mulher. De ativista a símbolo sexual. Sua decisão de mostrar sua foto numa numa página de blog chocou o Egito, a comunidade islâmica e o mundo árabe. Adquiriu admiração de muitas mulheres que nunca tiveram coragem para fazer o mesmo, embora tivessem desejo. Seu blog atualmente registra mais de 4.400.000 visitantes embora a impacto inicial tenha passado, sua nudez lhe rendeu muita popularidade e muitos problemas. Aliaa saiu do "Blogger" para as ruas:


Nas ruas foi odiada. Foi linchada, ficando bastante machucada. Mais tarde os linchadores descobriram que haviam espancado a moça errada. Não era Aliaa. O ódio da comunidade islâmica lhe rendeu ameaç…

Nigéria: Menina de 13 anos escrava sexual de 550 homens.

Um alerta para os pais: A menina "A" tinha 13 anos quando sua tia pediu aos seus pais autorização para levá-la de Akuda, no estado de Akwa Ibom para outra cidade, sob a promessa de que receberia melhor tratamento e teria melhores condições de estudo..
Por Saulo Valley - Rio de Janeiro, 18 de Janeiro de 2012 - 10h17min.
Segundo a fonte nigeriana "PM News", a menina contou para a polícia que após seus pais terem autorizado a sua ida para o estado nigeriano de Lagos com sua tia, esta mesma a levou para um hotel. Lá  acriança contou que ganhou uma mini-saia, vestidos do tipo "tubo" e um quarto. De acordo com o testemunho da menina ainda, sua tia conhecida apenas como "vitória", teria ensinado como se comportar com os homens.
Até então a menina contou que não entendia o que estava acontecendo "até que começaram a chegar os homens". A fonte citando a menina disse que  ela percebeu que cada uma das outras meninas levavam seus "fregueses&qu…

Índia: Violência de estupro e morte de "Nirbhaya" se reproduz desastrosamente como febre.

No dia 16 de Dezembro de 2012 a jovem Jyoti Singh Pandey (Nirbhaya) de 23 anos foi vítima do mais trágico estupro que se teve notícias na Índia. Com a internação da vítima que acabou não resistindo pela falência múltipla dos órgãos, uma incontável multidão saiu para as ruas do país para pedir o fim dos abusos contra as mulheres indianas. Mas com o passar de quase dois anos quase nada mudou. Aliás, mudou sim: Aumentou muito o índice de estupros seguidos de morte por agressões, torturas e outras atrocidades similares à violência que matou "Nirbhaya".
 O site "DNAÍndia" publicou um caso de estupro hediondo praticado contra uma menina de apenas 5 anos, que teria acontecido nesta quarta-feira 28/08 na região de Kandivli. De acordo com a fonte o criminoso além de cometer todas as violências que queria, ainda utilizou um cabo de vassoura para inserir na genitália da menina. A criança foi atendida num hospital local mas com a gravidade de seu estado foi transferida para o…

Síria - Mapa atualizado mostra que país está sob controle extrangeiro

Mapa militar da Síria atualizado mostra que grupos paramilitares estrangeiros estão dividindo o país.


Por Saulo Valley - O Observador do Mundo


AMARELO - Forças Curdas apoiadas pelos EUA.VERDE - Forças rebeldes (FSA) locais lutando sozinhos contra Assad e o mundo.MARROM - Estado Islâmico representa países islâmicos radicais e Rússia.LARANJA - Regime Sírio - Forças do governo.OUTRAS CORES - Outras Influências estrangeiras.

Alguns países vizinhos enviaram suas forças especiais fantasiadas de  milícias islâmicas para anexar terras sírias. Este fenômeno acontece quando um país fica sem controle e aproveitam-se do "vácuo de poder".

Fonte: FSA News: >>… https://t.co/fsa5BtquL0

#Syria #guerra #invasãoestrangeira #revoluçãosíria #mapa