segunda-feira, julho 28, 2014

Ucrânia: Mísseis MRLS Grad russos desabam sobre o centro de Luhansk

A utilização de morteiros e mísseis de ombro por parte das forças russas de guerrilha, já era uma realidade e após a onda de derrubada de aviões por mísseis de médio alcance, agora as cidades ucranianas sofrem com quedas de destroços de aeronaves abatidas e mísseis GRAD russos. SAIBA MAIS

Por Saulo Valley - O Observador do Mundo - Rio de Janeiro, 28 de Julho de 2014 - 09:02 GMT-3
Atualização: 17:34

Russian BM-21 Grad in Saint Petersburg CC BY-SA 3.0  - Robert Wray - Russian Victory Day Preperations (cropped)
A guerra da Ucrânia já é uma realidade. Prova disto é que pontes estão sendo demolidas em todas as zonas do conflito, energia elétrica já ameça ser cortada em algumas cidades do Leste ucraniano e da Criméia, e bombardeios sobre áreas residenciais e centros comerciais civis.

Nos últimos dias pelo menos 17 aeronaves foram derrubadas sobre regiões habitadas do Leste da Ucrânia. A população já bastante insegura já não pode se sentir abrigada dentro de casa. Então mísseis de médio alcance começam a desabar como chuva...

Caças russos já invadem espaço aéreo ucraniano fazendo vôos de observação sobre as posições da ATO. Com o já esperado aumento da violência da guerra russa para anexar a Ucrânia. Em Kyev Ministro da Defesa (Geletey) anunciou nesta segunda que "todos os que não baixarem suas armas serão mortos".  Esta declaração já é um forte indício de que a violência ainda deverá subir nas próximas horas, atraindo mais reforços oriundos da Rússia. Putin que lava suas mãos para a crise da Ucrânia, age como se as forças armadas russas tivessem vidas próprias e não precisassem do alto-comando para decidir quando e onde operar.

Se isto não é uma guerra russa, não sei o que significam estes canhões de artilharia T-72 em posicionados em Kantemirovka, a 5 km ao norte da fronteira ucraniana. 


Apesar da constante reclamação do governo ucraniano sobre a utilização de mísseis GRAD em combate, a agência "Aljazeera" disse nesta segunda em um novo artigo dizendo que tanto as milícias russas quanto as forças ucranianas estão fazendo uso desta poderosa arma. A publicação foi compartilhada pela ONG HRW (Human Right Watch), o Observatório dos Direitos Humanos nas Nações Unidas.

domingo, julho 27, 2014

Ucrânia: Sequestro de 60 crianças e a crise marcha para guerra com armas mais pesadas

A crise no Leste da Ucrânia não parece estar sob controle. Ao invés disto armas cada vez mais poderosas estão sendo utilizadas no conflito que já se utiliza de bombardeios por morteiros e mísseis. Ativistas e militares acusam separatistas de sequestrar 60 crianças órfans - LEIA MAIS

Por Saulo Valley - O Observador do Mundo - Rio de Janeiro, 27 de Janeiro de 2014 - 10:36 GMT-3
Atualização: 16:07

Citando a organização ucraniana "Resistência da Informação" como fonte, que disse que neste sábado pelo menos 5 posições militares da ATO foram bombardeadas por milícias russas. Entre as regiões mais bombardeadas estão as aldeias de "Chervonopartyzansk", "Dubrovka" e "Novoazovsk". O especialista em informação militar da ucrânia Dmitry Tymchuk, disse também que posições da ATO no aeroporto de Luhansk foram atacadas. Ontem o Coronel Tymchuk disse que o SSU (Serviço de Segurança da Ucrânia) interceptou conversas telefônicas entre "pequenos líderes separatistas" que comprovam que as forças oficiais russas bombardearam posições da própria "SSU" em territórios disputados por separatistas.

A fonte acrescentou ainda que na última noite pelo menos 5 caminhões inimigos foram vistos passando pelo "Parque Nacional Chervonopartyzansk" contendo corpos de mortos e feridos. Por meio do Twitter, um perfil denominado "East of Buxels" publicou imagens de valas comuns, acusando a Rússia de cometer "genocídio por onde passa."

Mapa da atual crise no Leste da Ucrânia atualizado em 25-07-2014 - Fonte: Segurança Nacional Ucraniana - Uso com Permissão.
As expectativas não estão sendo boas para a Ucrânia que já tem grande parte do Leste do país tomado por focos de conflito, e o avanço progressivo das milícias com apoio confirmado das forças oficiais russas. O Mapa acima foi divulgado pelo governo ucraniano na última sexta-feira (25-Julho) mostrando que as forças pró-Rússia estão abrindo caminho pelo meio do país visando chegar em Kyev, a capital do país. A Segurança Nacional e o Conselho de Defesa da Ucrânia disse em seu site oficial nesta sexta, que a violência ainda é muito grande e que os conflitos no Leste do país são ainda muito intensos. A crise ganha ares de guerra civil uma vez que o exército russo tem aberto os caminhos dos separatistas usando suas armas de artilharia e anti-aéreas.

Citando o blog "Euromaidan" como fonte não-oficial que disse neste Sábado que cerca de 60 crianças foram sequestradas pelo grupo da "República Popular de Luhansk". Segundo a fonte, as crianças foram abduzidas para o território russo, e que muitas das crianças dependem de tratamento médico contínuo. A informação foi confirmada pelo Ministério da Defesa da Ucrânia que disse que os guerrilheiros invasores sequestraram todos os 19 funcionários do orfanato e entre as 60/61 crianças levadas para a Rússia, 16 são muito pequenas.

Na última quarta o Secretário da Segurança Nacional e do Conselho de Defesa  da Ucrânia se reuniu com membros do Partido Popular Europeu membro e do Parlamento Europeu. Entre os assuntos discutidos, o aumento das sanções contra a Rússia pela comprovada atuação no "incitamento do conflito" na Ucrânia e as investigações que buscam elucidar a queda do Boeing 777 da Malasya Airlines que deixou 269 cidadãos de diversos países mortos ao sobrevoar o espaço aéreo de Donbas a 5 mil pés (cerca de 1500 metros) de altitude.

Apesar da importância do encontro, ambos concluíram que mesmo aumentando a pressão contra a Rússia, não será garantia que a violência na Ucrânia vá diminuir ou cessar.

No perfil oficial do Twitter, a Segurança Nacional denunciou neste Domingo, que a Rússia continua a enviar mercenários para desestabilizar a Ucrânia. De acordo com o relato, 2 batalhões de mercenários cruzaram a fronteira ucraniana através da Chechênia, por onde tem havido um grande fluxo de militantes anti-Kyev. D$e acordo com a fonte, os dois batalhões se dirigiram para Rostov-on-don.

16:33 - A cerca de 1 hora o perfil de twitter "Liveuamap" disse que cerca de 2 mil soldados russos  em helicópteros russos cruzaram a fronteira ucraniana.

quinta-feira, julho 24, 2014

Ucrânia acusa forças russas de derrubarem 2 aviões militares da ATO nesta quarta.

O especialista em informação militar da Ucrânia Dmitry Tymchuk disse no fim da tarde desta quarta, que dois aviões militares da ATO foram deliberadamente derrubados na região de Nevtisnogo depois que realizaram missões bem-sucedidas e voltavam para a base. A autoridade disse que as aeronaves voavam a mais de 5200 pés de altitude e que nenhuma das armas antiaéreas já vistas nas sob controle dos separatistas, teria este alcance.



East Ukraine conflictCC BY-SA 3.0

ZomBear (Remastered), Alex1961 (Original Image) - This file was derived from: Ukraine location map.svg Blank political map Europe in 2008 WF (with Kosovo).svg

Acima, um mapa de áreas na Ucrânia, onde o conflito armado tomou lugar como parte da insurgência em Donbass, desde abril de 2014. Este mapa deve ser atualizado regularmente para refletir a situação atual Vermelho: a extensão atual do território controlado pelos rebeldes pró-russia filiados aos da República de Donetsk.  Rosa: A extensão atual do território mantido pelos rebeldes pró-russia aliados com os de Lugansk. Amarelo: Território anteriormente detida pelos insurgentes, mas desde que retomado pelo governo ucraniano. (fonte: Wikipédia)
Por Saulo Valley - O Observador do Mundo - Rio de Janeiro, 24 de Julho de 2013 - 00:26 GMT-3

As autoridades ucranianas ainda não sabem se os pilotos se salvaram e pra piorar a crise, a fonte disse que 9 estudantes nigerianos foram confirmadamente sequestrados nesta terça. O que faz lembrar a crise do Máli no início do ano. Somando com a trágica derrubada do avião malasiano, o alto número de nacionalidades entre as vítimas, parece uma mensagem subliminar, como a que aconteceu em Máli.   Tymchuk citando a mídia local como fonte, disse que os estudantes nigerianos foram sequestrados em Luhansk. A inteligência ucraniana acredita que a Rússia está querendo provar que mercenários e militares ligados a NATO estão trabalhando secretamente em conjunto com a ATO.

Na Rússia, o líder Vladmir Putin convocou uma reunião geral de segurança para discutir os pontos fracos de defesa do país, em específico com relação à fronteira na altura do leste ucraniano, à Criméia e sua capital Sebastopol.  O Estado Maior das Forças armadas acredita que a Putin está preocupado com a guerra da informação, depois que a Ucrânia anunciou a criação do "Ministério da Propaganda". na reunião convocada sem qualquer aviso prévio, Putin foi citado pelo blog pró-ucrânia especializado em inteligência e política local "Euromaidan Press", como tendo levantado discussões sobre as mais modernas tecnologias de propaganda e contra-propaganda dentro e fora do país.

Tymchuk continua chamando atenção do mundo para a região leste da fronteira do país, lembrando que os combates tem sido intensos. Enquanto isto nas regiões onde a ATO conseguiu recuperar o controle das mãos dos insurgentes, o comando da ATO alertou que as pessoas devem se preocupar com a possibilidade de haverem minas espalhadas. Entre vários conselhos, destacou o comando que as pessoas devem evitar deixar seus filhos soltos pelas ruas, evitar se aproximar de cápsulas não deflagradas, minas terrestres ou qualquer outro tipo de material militar explosivo, devendo chamar as autoridades locais especializadas no assunto.


terça-feira, julho 22, 2014

Ucrânia: Rússia é pressionada pela derrubada do Boeing em Donbass

O mundo se volta contra Putin no momento em que o avião comercial da Malásia Airlines foi derrubado no leste da Ucrânia. O ataque levou os Estados Unidos a acreditar piamente que a Rússia tem fornecido armas anti-aéreas para os separatistas que lutam contra a estabilização da Ucrânia. SAIBA MAIS:

Por Saulo Valley - O Observador do Mundo - Rio de Janeiro, 22 de Julho de 2014 - 08:56 GMT-3

Forças pró-Rússia foram apontadas pela "Resistência da Informação" da Ucrânia, como tendo tomado diversas posições estratégicas mantidas pelas forças da ATO. De acordo com a fonte, citando aqui o especialista em informações militares da Ucrânia Dmitry Tymchuk, que disse que a batalha contra as milícias tem sido "extremamente difíceis", devido a "desesperada resistência, tentando um contra-ataque," além de ofensivas para "romper a segurança a qualquer custo". A autoridade citou ainda as regiões de Donetsk, Lugansk, Krasnodon, Gorlovka, Makeyevka" e as áreas fronteiriças como principais focos dos confrontos entre ATO e milícias russas separatistas.

Enquanto isto a União Européia tem pressionado a Rússia a voltar atrás, na tentativa de impedir o acesso das autoridades internacionais, bem como equipes de resgates e perícia, aos destroços do Boeing 777 que transportava 298 passageiros. Citando o "G1" que disse que entre as vítimas haviam "154 holandeses, 43 malaios, 27 australianos, 12 indonésios, 9 britânicos, 4 alemães, 4 belgas, 3 filipinos e 1 canadense". Além dos 15 tripulantes malaios, ainda haviam outros 41 passageiros que não foram identificados. De acordo com as autoridades malasianas, o Boeing viajava a 33 mil pés de altitude, o que reforçou a suspeita de que os terroristas estavam equipados com mísseis "SAM" (terra-ar).

Autoridades holandesas se preparam para enviar tropas do exército para a região leste da Ucrânia, visando ajudar a restaurar a ordem no país depois que ficou clara a participação russa na crise, após a queda do avião malasiano. Alemanha, França e Grã-bretanha foram citadas hoje pela mídia européia como tendo enviado ultimatos para que Putin permita o acesso das equipes de resgate ao Boeing.

Há poucas horas a ATO divulgou um mapa com atualizações de hoje sobre a crise instaurada no Leste da Ucrânia, bem como a exata localização do Boeing derrubado. Segundo diversas fontes, não há sobreviventes entre os ocupantes do voo.

ATO - Divulga situação no Leste da Ucrânia hoje - Imagem distribuída pela ATO

Nigéria: Perseguição aos terroristas infiltrados entre cristãos

Pelo menos 87 terroristas membros do grupo radical islâmico Boko Haram, foram identificados pelas autoridades nigerianas na região de Abia, quando 486 suspeitos de insurgência foram detidos em uma operação que aconteceu na última semana: SAIBA MAIS:

Familiares choram sequestro de 200 meninas adolescentes por BH em Abril de 2014 - Foto: VOA - Domínio Público
Por Saulo Valley - O Observador do Mundo - Rio de Janeiro, 22 de Julho de 2014 - 08:11 GMT-3

Citando a agência "Naij" como fonte que disse que embora desarmados, suspeitos foram apontados pelos líderes do Boko Haram como os supostos "comerciantes". As autoridades encontraram tatuagens e sinais físicos que ligam ao grupo liderado pelo cruel Abubakar Shekau, aquele mesmo que sequestrou as 200 meninas e as vendeu como escravas.


Abia State NigeriaCC BY-SA 3.0
No estado vizinho de Enugu, uma bomba explodiu no meio do mercado de Eke Ozi, deixando pelo menos 1 bebê de cerca de 12 meses sem vida. A batalha contra a crescente insurgência no país tem sido enfrentada dentro das igrejas agora. As autoridades religiosas e militares buscam detectar terroristas infiltrados nas reuniões, com intenção de explodir os fiéis em atentado suicida. De acordo com a fonte, até as mulheres estão sendo revistadas e proibidas de transportar sacolas e bolsas de mão para dentro dos templos católicos. Conta a fonte que algumas igrejas pentecostais detectaram bombas instaladas em veículos utilizados por fiéis e até estão se valendo da construção de barricadas para impedir a demasiada aproximação de veículos até as construções dos templos.

A guerra político-religiosa que enfervece no Norte do país já tem se arrastado por pelo menos 4 anos e a violência é cada vez mais, deixando números expressivos de mortos e feridos, entre terroristas, militares e a população civil. "Naij" também revelou que muitas congregações estão sendo vigiadas por seguranças armados, para proteger os fiéis e os prédios. Em 2013 o Boko Haram atacou e demoliu pelo menos 53 igrejas só no primeiro semestre.

segunda-feira, julho 21, 2014

China: Cerca de 500 policiais invadem igreja em violenta repressão aos cristãos

Madrugada violenta com pelo menos quatro (4) pessoas feridas, sendo que duas (2) delas estão internadas em estado grave. Segundo ativistas chineses, centenas de cristãos se reuniram em frente à igreja para impedir que as forças militares, inclusive os bombeiros demolissem a cruz instalada na construção... SAIBA MAIS:

By Chong Fat (Own work) [CC-BY-SA-3.0 (http://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0) or GFDL (http://www.gnu.org/copyleft/fdl.html)], via Wikimedia Commons
Por Saulo Valley - O Observador do Mundo - Rio de Janeiro, 21 de Julho de 2014 - 19:15 GMT-3
Atualização: 23:20

Por volta das 03 da madrugada desta segunda-feira, uma multidão de policiais armados de escudos e cacetetes se dirigiu para as Igrejas Episcopal localizadas na regiões de Shuitou (Condado de Pyongyang), e na cidade de Wenzhou, (província de Zhejiang). De acordo com ativistas da ONG "molihua" ligada à Revolução Chinesa, a região é habitada por mais de 1 milhão de cristãos.  Com a notícia de que as autoridades chinesas estavam indo demolir a Cruz (sob acusação de motim contra o governo), mais de mil populares e estudantes correram para o local a fim de proteger a construção juntamente com o símbolo de sua crença, segundo informou a fonte, as forças policiais desistiram de demolir a cruz.

A perseguição aos templos tem sido ampliada desde o mês de Abril de 2014. Na rede social Twitter, um fotógrafo amador registrou o momento em que um guindaste ainda em Wenzhou, era usado para retirar a cruz do topo de uma igreja, e na foto havia uma faixa escrita: "Por favor, não removam a cruz, ela é a minha glória".

Durante todo o ano, Wenzhou tem se mantido como palco de violentos confrontos entre governo e cristãos.
O site português "Agência Ecclesia" atribui a crise ao fato de que os 50 milhões de cristãos que vivem na República Popular da China se negam a servir a deus nos templos criados pelo Partido Comunista nos anos 50. A fonte destacou as entidades: "Movimento Patriótico da Tríplice Autonomia Igreja Protestante" e a "Associação Patriótica Católica Chinesa" como responsáveis pela perseguição de autoridades eclesiásticas ao longo dos anos. A fonte disse ainda que no total, 160 igrejas cristãs correm risco de demolição na Província de Zhejiang.


domingo, julho 20, 2014

Animais domésticos abandonados ainda reflete falta de conscientização

Talvez você caminhe pelas ruas de seu bairro e não encontre mais que um ou dois cães ou gatos perdidos ou deixados. Mas existem no Brasil, lugares que são verdadeiros depósitos destes pequeninos e frágeis sobreviventes urbanos. CONTINUE LENDO:

Fotografia: Autor Desconhecido - Domínio Público
Por Saulo Valley - O Observador do Mundo - Rio de Janeiro, 20 de Julho de 2014 - as 08:45 GMT-3

Se os bairros de luxo são limpos e organizados, os bairros sem luxo é que pagam a conta. Regiões afastadas dos grandes centros acabam se transformando em verdadeiros depósitos de animais domésticos deixados para morrer ou serem adotados por algum pedestre solidário.

Aqui, o ditado famoso que diz que : "O Cão é o Melhor Amigo do Homem" não tem qualquer relevância, já que há muitas pessoas que apesar de adotar um animalzinho ainda bebê, não consegue se adaptar ao convívio, ou por questões de espaço, geralmente busca se livrar do "excesso de bagagem" para desfrutar de uma vida mais harmoniosa consigo mesmo. O fato é que cada vez mais se prova que "O Homem é o Pior amigo do Cão". Nessa mão de única via, encontramos a realidade nua e crua das ruas.

Gato bebê abandonado na Freguesia - RJ - Foto: Saulo Valley
Este gatinho recém-nascido foi deixado na Estrada do Gabinal, em Jacarepaguá, no Rio de Janeiro e miava tão alto, que apesar de minúsculo não tinha como passar desapercebido. ...E foi isto que o salvou. Logo foi recolhido por uma empresária e adotado antes que a foto do bichano fosse publicada no Facebook em busca de um adotador.  Após um bom prato de leite, o rapazinho dormiu quase dois dias inteiros.

Principais "asilos" do estado do Rio

Regiões como Sepetiba, Pedra de Guaratiba, Nova Iguaçú, São João de Meriti e Caxias, Vassouras, também a Região dos Lagos, são verdadeiros purgatórios de cães e gatos abandonados. A maioria dos lugares escolhidos pelos ex-criadores para abandonar seus animais nas ruas, é ou foi reduto de veranistas.  Há muitos deles que compram ou adotam animais para ajudar a tomar conta das casas de veraneio, onde os proprietários visitam poucas vezes ou raramente.  Aí temos mais um problema gritante e social: Muitos deste animais deixados em cativeiro em casas de veraneio, também ficam isolados, maltratados, doentes e famintos. Então o veranista chega num fim de semana, encontra seu animal doente, ou morrendo e lança o coitado nas ruas e adota outro, maior, mais jovem e mais forte. Simples assim.

Imagina os lugares que há 20 anos era uma paraíso turístico, o endereço preferido dos veranistas nos seus ensolarados fins de semana?

Em Bucarest os cães de rua são marcados e monitorados "Cães vadios crosswalk" CC BY-SA 3.0 cortesia: Columbo222
Tempo de mudança

A mudança está toda arrumada no caminhão, mas não há como transportar os animais na boléia, ou mesmo na cabine. Também não há como transportá-los usando meios públicos, como trens e ônibus..  A "solução" quase sempre é abandonar a criatura nas mãos do destino. Certamente quem faz isto já se programa: "Quando chegar na casa nova vamos arranjar outro". Assim acontece o milagre da "multiplicação de cães" nas ruas.  Na verdade quando isto acontece a única coisa que muda mesmo são os móveis.

Cães de rua de Vassouras/RJ - Foto cedida por Thuany

Realidade no Mundo

A realidade verdadeira é que as estatísticas mostram que os maiores índices de animais domésticos abandonados são percebidos nos países em desenvolvimento. A Índia é a grande campeã, com a grave realidade que cerca de 35 mil pessoas por ano morrem da doença da raiva, ocasionadas por mordidas de cães de rua.

No Brasil esta doença chega a ser controlada. De acordo com o Ministério da Saúde, em 2012 foram registrados 400 casos. Mas o Mês de Agosto está às portas e neste período quase que 100% das cadelas entram. Este fenômeno urbano leva milhares de cães a brigar por uma fêmea, podendo causar muitos ferimentos no cão adversário. É aí que mora o grande perigo. Este momento é o mais tenso, e é quando a raiva canina tende a se projetar no meio humano, como alerta a Dra Greyce Lousana no site "esteticderm".

A castração dos animais de rua, bem como oferecer cuidados em geral, contribui em muito para atenuar o problema, principalmente em locais aonde são encontrados grandes despejos de lixo nas ruas e lixões. Levar seu animal para a vacinação periódica também é uma importante e salvadora atitude. Agora: Lutar para erradicar o abandono de animais domésticos nas ruas é um dever de cada um de nós. Faça a sua parte!

quinta-feira, julho 17, 2014

Dia Internacional das Florestas - Sem comemorações

Imagens do Bosque da Freguesia - Foto: Saulo Valley
O Dia 17 de Julho é o "Dia das Florestas" enquanto que o desmatamento segue a pleno vapor! Uma data criada para trazer reflexão e ações significativas para a preservação global do meio ambiente. Mesmo assim, pouco se tem feito, apesar do esforço incomum de poucos - CONTINUE LENDO E COMPARTILHE

 Por Saulo Valley - O Observador do Mundo - Rio de Janeiro, 17 de Julho de 2014 - 11:11 GMT-3

Se a Copa do Mundo Brasil atraiu milhares de milhares, o Dia das Florestas certamente atrairá algumas dezenas.

A preservação ambiental é certamente o maior desafio para a raça humana. Nem mesmo as consequências arrasadoras das guerras são tão difíceis de se controlar, quanto o desmatamento florestal. Dia-após-dia, o mundo perde milhares de milhares de hectares de terra arborizada para as madeireiras e construtoras.

Ao mesmo tempo que a modernidade tem nos trazido benefícios e recursos tecnológicos viciantes, é ainda mais inevitável a dependência humana dos recursos naturais para nossa própria sobrevivência.

Imagens do Bosque da Freguesia - Foto: Saulo Valley
Uma espécie de droga da qual cada ser humano é dependente de berço, assim se faz a tecnologia moderna. Visando o futuro cada vez mais digital, seguindo a influência do cinema, o mundo precisa escolher entre estes aparatos e a natureza.

Imagens do Bosque da Freguesia - Foto: Saulo Valley
A situação torna-se ainda mais grave porque ninguém quer buscar um meio-termo. Porque não um mundo moderno, cheio de tecnologias avançadas em meio ao mundo verde?

Porque os estudos científicos definitivamente não visam unir os dois lados extremos desta cadeia, a fim de sermos cada vez mais saudáveis e felizes?

Ao invés disto nos tornamos escravos das tecnologias e reféns dos hospitais, cada vez mais lotados. Tão lotados quanto os presídios. Neste Dia Internacional das Florestas, devemos repensar melhor o futuro e buscar na natureza e no profundo da mente criativa do homem, o que há de mais sustentável nesta vida.

Se os metálicos cenários apresentados nos filmes de ficção científica representam o mundo que queremos para nossos filhos, então realmente a natureza está perdida e não há quem a possa salvar! Estamos nos afundando numa lama científica, perdidos entre "Faces", "Whatsapps", celulares, computadores, automóveis, trens, aviões, navios e submarinos cada vez mais dominantes. Nisto não temos visto muita participação da natureza e pouco vemos benefícios para ela.

Imagens do Bosque da Freguesia - Foto: Saulo Valley














Por fim, estamos lutando. Somos poucos e temos que lutar por muitos que mesmo quando demonstram ignorar esta realidade, sempre acabam precisando recorrer aos benefícios que a natureza pode nos oferecer em todas as áreas da vida. Temos que nos esforçar para mudar de dentro pra fora, a fim de encontrar um mundo melhor pra todos. Aliás, quanto mais verde, este mundo se tornará melhor!

Se você faz parte do grupo dos poucos que precisam das florestas pra viver, então curta esta comunidade e ajude a preservar as nossas florestas!!! facebook.com/furiasdaNatureza

domingo, julho 13, 2014

Brasil com 200 milhões a seu favor perdeu o rumo por causa de 11

A Seleção Brasileira será criticada pelos próximos 200 milhões de anos. Tudo porque nem 200 milhões de torcedores conseguiram fazer o time ter coragem e raça para enfrentar 11 adversários. Uma aberração no mundo da matemática e uma absurda vergonha no mundo do futebol. Sangrando depois da amarga derrota para a Alemanha, os 200 milhões nem querem mais ouvir a palavra: "Futebol". Quem quer saber quando será a próxima Copa do Mundo no Brasil? CONTINUE LENDO:

Foto: Erica Santos/PMC - Prefeitura Caraguá - Via Flickr Creative Commons
Por Saulo Valley - O Observador do Mundo - Rio de Janeiro, 10 de Julho de 2014 - 19:43
Atualização: 13-07-2014 as 08:14

Um acidente matemático sem precedentes, se formou neste campeonato. Se contar com o apoio da torcida estrangeira que apostava no Brasil como favorito, ainda somando os mais de 200 milhões de Brasileiros que em terra firme mantiveram toda atenção focada na vitória fácil que a Seleção Brasileira teria pela frente, sempre comparando o futebol dos convidados com o futebol que estamos acostumados a ver por aqui. "Este campeonato está uma moleza!". Pra falar a verdade, a Argentina era o único adversário difícil que a torcida brasileira imaginava encontrar pela frente.

Se tudo ocorresse conforme o Brasil é e sempre foi...

Mas a Seleção Brasileira que pisou nos gramados, não era bem o que parecia ser a seleção brasileira de Pelé, Zico, Sócrates, Rivelino, Jairzinho, Romário, Ronaldo, Ronaldinho, Kaká, Taffarel, Júlio Cézar, Robinho, Roberto Carlos entre outros tantos!!!

Ganhando ou perdendo, a Seleção Brasileira nunca foi tão humilhada, porque seus jogadores sempre ralaram muito. Suaram a camisa verde-amarela para trazer a taça da Fifa para os brasileiros. Na verdade o comportamento da seleção brasileira como um todo acabou tornando a equipe infelizmente merecedora desta humilhação internacional. Este veio sofrendo até a Holanda fechar a tampa do caixão com seus merecedores 3x0. Cruelmente o Brasil não tinha time nem pra merecer o terceiro lugar desta Copa do Mundo. Um vexame tão grande que faltam palavras para expressar a tragédia psicológica de âmbito nacional causada.

A população deveria processar a seleção brasileira por "propaganda enganosa". Aquele time... Que time? A Alemanha não encontrou ninguém em campo. A Holanda tinha mais que se concentrar na ultrapassagem dos bonecos com camisa verde-amarela instalados como obstáculo no campo. Uma espécie de futebol de jogo-de-pregos humano.

E o Neymar? O que pensa o jogador? Como ele vai administrar sua carreira daqui pra frente depois deste massacre moral impiedoso e eterno?

O que este "espetáculo de horrores" (como classificou o narrador Galvão Bueno) pode influenciar no valor de mercado internacional dos jogadores brasileiros nos próximos anos?

Quando o Seleção irá recuperar a confiança e a esperança da população brasileira novamente? Quem nos libertará desta masmorra nacional?

quarta-feira, julho 09, 2014

World Cup 2014: O dia que o Brasil parou - 08-07-2014

A Alemanha fez 5 gols em 10 minutos de jogo, completando 6 em 27 minutos do primeiro tempo? Alemanha 7 x Brasil 1. Uma derrota jamais vista na história do futebol profissional mundial. Mas qual seria a verdadeira explicação, para tamanho vexame?


By Agência Brasil ([1]) [CC-BY-3.0-br (http://creativecommons.org/licenses/by/3.0/br/deed.en)], via Wikimedia Commons

Por Saulo Valley - O Observador do Mundo - Rio de Janeiro, 08 de Julho de 2014 - 20:11 GMT-3

As palavras ainda estão perdidas no vazio e as explicações não parecem fazer qualquer sentido. Enquanto isto o placar Alemanha 7 x Brasil 1, fica latejando na memória de 200 milhões de brasileiros. Eles agora não sabem como se comportar diante dos milhares de milhares de turistas, que vieram ver a Seleção “queridinha” de todas as Copas bem de perto.

Maturidade

Sim, a seleção de Felipão precisava do elemento “maturidade” para vencer esta copa. Decidiu pela escalação inteira de uma nova geração, sem levar em conta que numa Copa do Mundo, o clima é de guerra de nervos e técnicas!

Disputa acirrada entre os melhores e mais determinados jogadores do planeta, cujos objetivos se concentram num único troféu. Sim. Faltavam os “veteranos”. Nomes como Ronaldinho Gaúcho, Kaká e Robinho, realmente fizeram falta nesta seleção de heróis do futebol brasileiro. Então porque não foram contratados?

Na ponta, carregando a equipe, a imagem da renovação, com a mídia toda concentrada no novato Neymar. Possivelmente o maior patrocínio de todos os jogadores que compuseram a seleção desta temporada. Neymar era seguido por Fred e Hulk com seus respectivos patrocínios. Especula-se então que quem mandava na escalação do time eram mais os patrocinadores que a própria razão? Se o patrocínio foi o fator relevante, na decisão das escalações, então o futebol se tornou uma vitrine, no qual aparece quem paga mais alto.

Por que razão aqueles jogadores que já fizeram história e brilharam nos jogos da Copa não foram sequer cogitados? Seria um castigo pelo fato de terem feito parte da escalação da também derrotada seleção de Dunga na África do Sul? Veterano mesmo só Júlio César... Que não joga à frente da

equipe e ficou vulnerável, uma vez que os demais jogadores não o protegiam. Aliás, durante toda copa 2014.

O fato é que o Brasil não tinha um time organizado, maduro e atuante. Mereceu perder pela falta de estrutura claramente apresentada durante toda campanha da World Cup 2014. Péssimas atuações, seguidas de muitas frustrações e que levaram o Brasil ao completo vexame. Falta de articulação, falta de sincronismo, falta de estratégia, falta de marcação, falta de defesa, meio de campo e ataque. O Brasil era 200 milhões na arquibancada gritando “Eu Acredito!!” em um só coro, afinado e compassado, enquanto em campo 11 homens perdidos, desligados, imprecisos e apavorados diante de “tamanha RES-PON-SA-BI-LI-DA-DE”. Responsabilidade esta que só se tornou um fardo sobremodo pesado, porque o time não tinha ao menos 1 jogador experimentado em copas do mundo, no qual pudessem se espelhar, ou seguir sua guia. Faltou essa referência e Neymar foi empurrado para a cova dos leões, como sendo esta novata liderança, ao lado de Thiago Silva, e por ironia do destino, ambos foram impedidos de participar da disputa contra a madura Alemanha. Velho mesmo estão Felipão e Parreira, cujas estratégias já foram decoradas pelas seleções adversárias e eles mesmo já demonstraram frustrante falta de criatividade encoberta por excessiva teimosia. Tanto se falava em surpreender o adversário... E conseguiram!

O Brasil juvenil enfrentando a velha Alemanha. Uma seleção de veteranos, cuja equipe já está jogando há pelo menos duas copas e seu técnico tem contrato que completará 11 anos em 2016. Uma grande e organizada família!

Desorientados como crianças soltas numa floresta no meio da noite, a “Seleção de Neymar” (como era chamada), não suportou jogar sem ele e sem seu real jovem capitão. Um time de juventude tomar 7 gols de um time de homens maduros profissionais matadores, foi até pouco. Até mesmo os alemães sabem que não enfrentaram o adversário que conhecem bem, por ter vencido a Copa do Mundo da Alemanha. Aliás, a Alemanha agora é uma forte candidata para dar o troco e vencer a Copa do Brasil. Ela certamente não tem como reconhecer esta seleção como “A Seleção Brasileira”. Nem os brasileiros reconheceram, apesar do apoio absoluto. Resta-nos a humilhante vergonha eternizada por ter entrado para a história do futebol mundial.

Turquia: Guerra entre milícias faz lembrar a Síria no leste do país.

Desde a invasão e indexação da Criméia, as milícias russas, que haviam sido importadas da Rússia para a região, buscavam o controle de Sebastopol, Dotnetsk e Kyev. O Objetivo era preparar o caminho para a chegada das forças oficiais russas, para a indexaçao da Ucrânia como um todo. Mas a crise no país acelerada pela intenção de invasão russa ganhou novos ares, desde quando o ex-presidente “Víktor Fédorovich Yanukóvich” foi substituído pelo recém eleito “Viktor Iouchtchenko”. Este último que era uma aposta russa, acabou aplicando um golpe em Putin, assumindo uma postura de governo pró-ucrânia. CONTINUE LENDO

2014-04-14 Sloviansk city council - 2CC BY-SA 3.0 Yevgen Nasadyuk (Євген Насадюк) 
Por Saulo Valley - O Observador do Mundo - Rio de janeiro, 09 de Julho de 2014 - 08:24 GMT-3

Mudanças profundas também no crime organizado implantado por Putin, que acabou se dividindo e hoje guerreiam entre si, enquanto a OTA tenta imobilizar as organizações criminosas e restabelecer o controle do leste do país para Kyev.

Até o momento, Dotnetsk permanece sob controle dos milicianos pró-rússia e a mortandade assola a região. De acordo com nossas investigações desde o início do conflito na Criméia, a desculpa para a não-reação do governo ucraniano, mediante a invasão russa, eram as amargas lembranças da segunda guerra mundial, quando em 1942 Estalinegrado vivenciou a era mais sangrenta da história da guerra, com desenfreado derramamento de sangue para alemães e russos que lutavam pelo controle desta mesma região, terminando num empate onde o número de mortos foi o verdadeiro marco.

“Na guerra moderna, as milícias também são utilizadas como forma de inocentar governos invasores, retirando das forças oficiais a responsabilidade pelos crimes de guerra. Exemplo disto é a antiga Blackwater, força privada de 150 mil homens que lutou no Iraque em nome dos Estados Unidos. Hoje usando nome novo, a Blackwater é acusada de matar 66.000 civis iraquianos durante a invasão americana. George Bush chegou a ser apontado pela Anistia Internacional em 2012 mas o atual governo americano exerceu pesada repressão sobre a ONG de Direitos Humanos, que desistiu de tentar pressionar o Tribunal Penal Internacional a julgar o ex-presidente.”

Hoje a exemplo da Síria, a região de Dotnetsk segue os mesmo padrões da crise síria, protagonizada pela terrível ISIL (ISIS). Milícia iraquiana que luta pelo controle das regiões que os rebeldes oposicionistas ao regime de Al-Assad controlavam sob a bandeira do FSA (Exército Livre). Esta identidade acabou sendo ofuscada quando, para não ser completamente esmagado pelo exército regular da Síria, o FSA agonizante abriu espaço para a chegada livre de jihadistas voluntários do mundo inteiro. Mas o tiro saiu pela culatra quando muitos destes jihadistas na verdade traziam consigo as bandeiras das milícias de onde pertenciam e para quem realmente lutavam. Em pouco tempo exércitos estrangeiros independentes completos já transitavam pelo país em busca de novos fronts de batalha e regiões fragilizadas pela guerra, para assumir o controle. Dentre as mais de 20 milícias conhecidas, o Al-Nusra ganhou destaque pela organização e dureza de suas estratégias. Esta ficou famosa por assumir o controle de aeroportos, presídios e de mais da metade de Aleppo até o momento. Nusra ficou famosa também por subjugar os habitantes de todas as regiões sob seu controle, cobrando altos impostos, pedágios e ágios sobre tudo de mais essencial para a vida. Ativistas internacionais de olho na Síria apontam que no último mês, o Nusra acabou se unindo ao ISIS com o propósito de somar forças contra Al-Assad. Mesmo assim outras milícias saladinas formadas por sírios ou estrangeiros, permeiam os redutos da oposição a Assad. Por fim o FSA praticamente acabou. Sua cúpula de comando original foi substituída há cerca de 2 anos, bem como seus princípios e propósitos, restando apenas o nome. A exemplo de Estalinegrado e Volvogrado, a Síria já viveu muitos momentos absurdamente sangrentos. Desde que Hafez Assad (pai de Al-assad) reuniu a oposição para derrubar o governo da época em 1946. Sabe-se que apenas 3 meses depois que Hafez demonstrou claramente ter enganado a todos, e que as promessas de lutar para conduzir a Síria para a liberdade era uma grande farsa, acabou impulsionando novas tentativas de revolução. Todas elas terminaram em grandes massacres, como Hamá em 1982 (45 mil mortos) e a atual luta para retirar Al-Assad do poder, após ter herdado o governo com a morte de seu pai em 2000. Seis meses após assumir o governo mantendo a mesma linha ao estilo comunismo tradicional, novas tentativas de revolução terminaram em massacre sempre executados pelo exército regular sírio como em 2004 (600 mortos). Hoje a luta que se iniciou em 15 de Março de 2011 já soma mais de 130 mil mortos entre civis, militares desertores sírios e jihadistas, sem contar com as perdas do governo, que quase nunca são informadas.

domingo, julho 06, 2014

UFC: Lyoto Machida perde a chance de vencer Weidman por esperar demais - Review

Weidman tinha a vantagem da abertura de braços ser maior que Machida, que na verdade não era inferior ao seu oponente. Verdadeiramente mais resistente machida perdeu a luta depois da péssima estratégia de poupar o adversário de golpes, buscando apenas cansá-lo. Apesar de ser habitual a tática de estudar o oponente no primeiro assalto, Machida precisou de 2 rounds e meio para enfraquecer o americano, atual invicto em suas 11 lutas. CONTINUE LENDO

Chris Weidman - Foto cortesia de MartialArtsNomad.com Creative Commons
   Este tempo dividido entre estudo e estratégia de não-ataque, desperdiçou as chances que o brasileiro tinha para “vingar a derrota do Anderson Silva” que o tirou do UFC com a fratura da perna direita.
   Visivelmente esgotado Weidman poderia ter sido nocauteado se os técnicos de Machida não tivessem dito para ele não bater direto em cima (no rosto). Machida sabia que naquele momento Weidman não oferecia mais defesa absoluta de golpes contra a cabeça. O brasileiro com uma grande variedade de golpes, usando punhos ante-braços e cotovelos alternadamente teria facilmente derrubado Weidman.


Lyoto Machida - Foto:
   Infelizmente, quando Machida percebeu que continuar a atacar a cabeça do oponente era mesmo a grande saída para a vitória, o quinto round chegou ao fim. Realmente uma grande pena. Esta poderia ter sido a volta do Brasil à posse do cinturão da categoria peso-médio do UFC.

   A grande falha de Machida se deu mesmo quando não oferecia confronto todas as vezes que a luta partia para o solo. Sabendo-se da potente experiência ofensiva no Jiu-jitsu do americano Weidman, a estratégia pré-estabelecida mesmo era de escapar da luta no chão (que é sua técnica preferida), mas isto demandou tempo e desgaste físico. Weidman mantém assim o cinturão, atingindo a marca de 12 vitórias sem derrota, mas lembrando que esta foi a primeira luta que enfrentou, cuja duração foi até o 5° round. Lyoto Machida certamente voltará a desafiar o atual campeão Chris Weidman e será ainda um grande desafio para ambos.



Por Saulo Valley - Atleta de Kung Fu e Boxe Chinês com 30 anos de prática.

Artigo em Destaque

EDITORIAL - O Brasil é perfeito para quem não teme o trabalho honesto

Temos que combater os esforços da mídia paga, que visa fazer as pessoas amarem mais o mal que o bem. Se você concorda leia, comente e compa...

Leia também: