segunda-feira, julho 28, 2014

Ucrânia: Mísseis MRLS Grad russos desabam sobre o centro de Luhansk

A utilização de morteiros e mísseis de ombro por parte das forças russas de guerrilha, já era uma realidade e após a onda de derrubada de aviões por mísseis de médio alcance, agora as cidades ucranianas sofrem com quedas de destroços de aeronaves abatidas e mísseis GRAD russos. SAIBA MAIS

Por Saulo Valley - O Observador do Mundo - Rio de Janeiro, 28 de Julho de 2014 - 09:02 GMT-3
Atualização: 17:34

Russian BM-21 Grad in Saint Petersburg CC BY-SA 3.0  - Robert Wray - Russian Victory Day Preperations (cropped)
A guerra da Ucrânia já é uma realidade. Prova disto é que pontes estão sendo demolidas em todas as zonas do conflito, energia elétrica já ameça ser cortada em algumas cidades do Leste ucraniano e da Criméia, e bombardeios sobre áreas residenciais e centros comerciais civis.

Nos últimos dias pelo menos 17 aeronaves foram derrubadas sobre regiões habitadas do Leste da Ucrânia. A população já bastante insegura já não pode se sentir abrigada dentro de casa. Então mísseis de médio alcance começam a desabar como chuva...

Caças russos já invadem espaço aéreo ucraniano fazendo vôos de observação sobre as posições da ATO. Com o já esperado aumento da violência da guerra russa para anexar a Ucrânia. Em Kyev Ministro da Defesa (Geletey) anunciou nesta segunda que "todos os que não baixarem suas armas serão mortos".  Esta declaração já é um forte indício de que a violência ainda deverá subir nas próximas horas, atraindo mais reforços oriundos da Rússia. Putin que lava suas mãos para a crise da Ucrânia, age como se as forças armadas russas tivessem vidas próprias e não precisassem do alto-comando para decidir quando e onde operar.

Se isto não é uma guerra russa, não sei o que significam estes canhões de artilharia T-72 em posicionados em Kantemirovka, a 5 km ao norte da fronteira ucraniana. 


Apesar da constante reclamação do governo ucraniano sobre a utilização de mísseis GRAD em combate, a agência "Aljazeera" disse nesta segunda em um novo artigo dizendo que tanto as milícias russas quanto as forças ucranianas estão fazendo uso desta poderosa arma. A publicação foi compartilhada pela ONG HRW (Human Right Watch), o Observatório dos Direitos Humanos nas Nações Unidas.

Artigo em Destaque

Pra quem reclamar quando autoridades estão ligadas aos criminosos?

Quando você se vê atingido por uma autoridade usurpadora do teu próprio direito, a quem reclamar, quando você sabe que a autoridade máxima ...

Leia também: