sábado, janeiro 11, 2014

Game: A revolução dos jogos na luta contra a pirataria.

O prejuízo das grandes produtoras de games é algo quase incalculável, graças ao crescimento contínuo do interesse popular por games baratissimos ou gratuitos. Diante desta realidade cada vez mais gritante, as principais produtoras apostam na manutenção de jogos pagos e caros e em paralelo lançam games gratuitos para dowloads, e pra quem prefere os desafios de jogar em rede no modo multiplayer. Jogos para todos os gostos e bolsos esta é a grande aposta da nova geração de games cada vez mais realísticos.


Por Saulo Valley - O Observador do Mundo - Rio de Janeiro, 10 de Janeiro de 2014 - as 23:48 GMT-3
Atualização: 11-01-2014 as 20:21

A grande explosão dos jogos de tiro em modo massivo na internet aconteceu com o lançamento do "Unreal Tournament" em Maio de 1998. Desde então os games online começaram a migrar lentamente para a internet, à medida que os serviços de banda larga foram melhorando e barateando. Mesmo assim, no período de lançamento da primeira versão do game massivo mais famoso da história dos games, era possível jogar usando a internet discada, apesar de onerar a conta de telefone a pelo menos meio-salário mínimo se jogado 30 minutos diariamente. A vantagem de quem gostava de navegar, era que depois da meia-noite até as 05:59 da manhã as operadoras de telefonia fixa só cobravam 1 impulso. Mas em compensação, a conexão caía com facilidade..


Mas "Unreal Tournament" mostrou-se muito mais um avanço tecnológico a nível de "plataforma" que um simples game em si. A crescente qualidade da plataforma "Unreal" acabou tornando-se um enorme filão, que proporcionou a produção de outros poderosos agames online ou jogos feitos para instalação em computadores e notebooks. O engine "Unreal" originou games famosos como "Unreal Tournament, Deus Ex, Turok, Tom Clancy's Rainbow Six 3: Raven Shield, Tom Clancy's Rainbow Six: Vegas, America's Army, Red Steel, Gears of War, Alliance of Valiant Arms, BioShock, BioShock 2, Tactical Ops: Assault on Terror, Borderlands, Destroy All Humans! Path of the Furon, Mirror's Edge, Batman: Arkham Asylum, Section 8 e muitos outros. A multiplataforma serve como "Matrix" de altíssima qualidade para games hoje produzidos para o Microsoft Windows, Linux, Mac OS eMac OS X em computadores pessoais, e os consoles Dreamcast, Xbox, Xbox 360, PlayStation 2, PlayStation 3 e Wii."

Esta evolução acabou possibilitando uma nova modalidade de game. Enquanto os hackers comemoram a impossibilidade dos produtores de criar um game à prova de crackers (quebradores de lacres digitais), a inauguração do serviço de hospedagem nas nuvens tem possibilitado a manutenção de jogos massivos com altíssima qualidade gráfica, sem sequer sobrecarregar os computadores domésticos dos usuários ou mesmo suas conexões de internet.   Daí, os games estão começando a viver um novo tempo. À começar pelo deslumbrante game massivo "Eve Online". Pouco divulgado no Brasil, mas absurdamente consumido nos Estados Unidos e na Ucrânia. Uma verdadeira febre! Imagens lindas que são capazes de manter qualquer jogador hipnotizado pelo desafio de criar seu próprio universo e sair pelo grande espaço sideral em busca de novas conquistas.


O game "Eve Online" pode ser baixado gratuitamente no site oficial, mas a alta qualidade de suas espaçonaves e a própria defesa de seu universo particular, vai depender do quanto você estará disposto para injetar usando seu cartão de crédito. Há quem se queixe de ter gasto pequenas e grandes fortunas na ambição de melhorar sua frota espacial, mas que foram atacados por ainda mais poderosas fragatas espaciais e acabaram perdendo muito dinheiro de verdade.  A nova realidade é que os games não ficam mais detidos no mundo virtual, mas se estendem para a sua conta bancária real. E para dominar este brinquedo de gigantes, é necessário quase uma faculdade para dominar todas as estratégias do desafiador entretenimento. Pra se ter melhor noção, dificilmente você encontrará no youtube um tutorial qualquer sobre o game que tenha menos que 30 minutos de vídeo-aula. E haja tutorial! Ah e toda esta qualidade visual  absurdamente fantástica nem te faz desconfiar que o game Eve foi lançado em áureos 2003.


Acredite, os games evoluíram tanto que a imagem produzida nas nuvens chega a se comparar facilmente com as mais vibrantes imagens encontradas no cinema hollywoodiano. Um exemplo disto é aguardado "The Division". Um game produzido pelo lendário romancista Tom Clancy que infelizmente faleceu em Outubro de 2013 aos 66 anos deixou uma pequena fortuna pessoal de 47 milhões de dólares americanos, e as causas de sua morte não foram divulgadas até o dia de hoje. Apaixonado por temas ligados à espionagem e conflitos internacionais armados, o mais famoso romancista militar americano tornou-se referência ao fundar a "Tom Clancy Company". Premiado muitas vezes por seus incríveis títulos, como "Splinter Cell", "Rainbow Six", "Hawnk", "Skate" e tantos outros, já no fim da vida o poderoso autor viu a criação da maior promessa de game online para o mundo. "The Division" é ainda mais deslumbrantemente real que "Eve Online"!

Como a própria narração do trailler diz, nunca um game foi produzido com tanta riqueza de detalhes... E "The Division" segue na mesma linha de "Eve", "Ghost Recon Online" e "Call of Duty play for free", mas a verdade é que a qualidade gráfica de "The Division" é absurdamente esmagadora em relação a qualquer outro game lançado ou prometido para 2014.


Com a nova tendência de games "gratuitos" para download e caros para se desenvolver, os grandes produtores de games esperam sufocar e desestimular o consumo de games piratas, mantando "no cabresto" sua clientela sempre conectada e sua conexão constantemente verificada. Com esta nova realidade virtual, a próxima geração dos games lançados à partir de "The Division" deverão se tornar ainda mais massivos e online. Não fiquem espantados se começarem a relançar no modo massivo, títulos que anteriormente fracassaram e se mostraram incapazes de vencer a astúcia e a desvalorização provocada pela já enraizada pirataria de softwares. Não é à toa que a Microsoft está à cada dia mais inter-relacionada com as maiores produtoras de games e processadores a exemplo da Intel, Nvídia entre outras.

Crimes virtuais - Atualização: 11-01-2014 as 20:21

Na realidade o grande problema dos games online está na fragilidade do sistema. Há Jogadores de "Eve Online" "MU" e outros do gênero, que reclamam ter tido suas contas do servidor do game hackeadas e seus valores saqueados. Um usuário aficionado reclama no Youtube de ter perdido nada menos que 250 mil dólares, ao ter sua conta do servidor invadida. Uma prática muito comum no mundo virtual. Outra prática é a captura do seu endereço IP. Isto acontece quando por meio do chat o usuário tenta se comunicar com algum jogador estranho. Ele pode ser um cara legal, mas pode também ser um maldoso esperando um menor sinal de contato de outra pessoa para ele usar uma ferramenta hacker que captura a porta de acesso do chat para enviar vírus ou "bombas" que podem agir de acordo com a intenção do invasor. Na pior das hipóteses o jogador do mal assume o controle do seu personagem e daí significa que ele está dentro da sua conta, ocupando o seu lugar. A solução é sempre desconectar da sala de jogo no ato. As vezes até da internet, para atualizar o endereço IP da sua máquina e se faz necessário periodicamente trocar a senha. Manter o anti-vírus atualizado e ativo é de grande ajuda. Usuários maliciosos podem passar todo tempo na internet buscando uma vítima dentro das salas de jogos online. A melhor solução é nunca adicionar estranhos e não conversar com eles. Mesmo quando o chat está aberto para sua própria equipe (montada aleatoriamente pelo servidor).

No caso de você se sentir prejudicado financeiramente, faça contato com a delegacia para crimes virtuais mais próximas. A Polícia Civil é a corporação que cuida deste assunto. Agora você já sabe, que quando todos os games se tornarem definitivamente online, todos os piratas se mudarão definitivamente para a internet. Fique esperto e tente se divertir ao máximo sem se expor pessoalmente. Tente nunca utilizar nomes nem fotos reais. Tente não preencher todos os dados pessoais nas fichas para que se sua conta for hackeada, o ladrão não consiga mais do que já conseguiu ao invadí-la. Fique esperto. Os tempos mudaram.

Confira os mais esperados games realísticos entre 2013 e 2014:

Artigo em Destaque

EDITORIAL - O Brasil é perfeito para quem não teme o trabalho honesto

Temos que combater os esforços da mídia paga, que visa fazer as pessoas amarem mais o mal que o bem. Se você concorda leia, comente e compa...

Leia também: