domingo, janeiro 12, 2014

Família de Schumacher pede que mídia e curiosos se afastem dos médicos e do paciente.

Michael e Corinna Shumacher - Arquivo 1997 - Devianart
Por Saulo Valley - O Observador do Mundo - Rio de Janeiro, 12 de Janeiro de 2014 - 20:29 GMT-3

A família de Michael Schumacher representada pela mulher do piloto. Corinna Schumacher pediu à imprensa nesta última quarta-feira que deixe o ex-piloto e campeão mundial, bem como a equipe médica que o cerca "em paz". Este termo foi bastante enfático na intenção de demonstrar a situação desesperadora que a família vive agora.

"Por favor, ajudem-nos em nossa luta comum com Michael", Corinna Schumacher, sua esposa, declarou esta semana. "É importante para mim que você (mídia) alivie os médicos e o hospital para que eles possam trabalhar em paz. Eu pedimos que você confiem em suas declarações e deixem a clínica. Por favor, deixe a nossa família em paz. " fonte:  epochtimes

Inquérito
Uma investigação iniciada no momento em que Schumacher se acidentou, comprovou que o ex-piloto estava mesmo esquiando intencionalmente fora da pista. A prova que levou as autoridades a concluir que o acidente foi um risco assumido por Schumacher, veio da câmera que estava instalada no capacete do ex-campeão e gravou o acidente. Mas as autoridades disseram que a velocidade que Schumacher esquiou pela última vez não constituiu uma fator decisivo para que ele se acidentasse.  O fato é que ao sair da pista segura, Schumacher saltou e caiu ao topar com uma pedra que se projetava pra fora da neve. Sua queda o fez bater com a cabeça em uma segunda pedra, que perfurou seu capacete e teria causado a lesão. A segunda pedra esta encoberta pela neve.


Um vídeo ainda não reconhecido pela mídia, cuja legitimidade não pode ser verificada, é apontado como sendo o registro do exato momento que Schumacher se acidenta.  Seria este vídeo verdadeiro?

Artigo em Destaque

EDITORIAL - O Brasil é perfeito para quem não teme o trabalho honesto

Temos que combater os esforços da mídia paga, que visa fazer as pessoas amarem mais o mal que o bem. Se você concorda leia, comente e compa...

Leia também: