terça-feira, março 19, 2013

Nigéria: Bomba mata pelo menos 25 cristãos mas pode ter chegado a 60 pessoas e dezenas de feridos

Kano - Google Map
   Atentado terrorista pode ter matado 60 pessoas, mas não há confirmação do número exato ainda. Por certo há 25 vítimas fatais da explosão que atingiu um ônibus de luxo lotado quando os passageiros embarcaram.


Por Saulo Valley - O Observador do Mundo - Rio, 19 de Março de 2013 - 00:13 GMT-3


   Uma bomba explodiu há poucas horas num estacionamento no bairro Sabongari, na cidade de Kano localizado no Sul do estado de Kano, no Norte da Nigéria. A explosão aconteceu no momento em que um ônibus de luxo lotado iria se deslocar. Mídias locais afirmam que havia pelo menos 200 passageiros no interior do ônibus na hora da explosão, mas como o atentado acabou de acontecer, não há muita certeza sobre as informações e o número de mortos tem variado de 25 a 60, porque as vítimas foram levadas para vários hospitais diferentes.

   A situação é de caos absoluto e as imagens são terríveis. Muitas das vítimas foram queimadas em consequência do ônibus ter se incendiado com a explosão. Não há confirmação ainda se a bomba estava instalada no ônibus ou num carro estacionado no momento que a condução passou. Com a explosão, vários carros foram danificados, e 3 ônibus foram incendiados e a fumaça podia ser vista de outros quarteirões.

ônibus em chamas após a retirada das vítimas da explosão - Fonte: "Naij"
   Apesar do local ter sido isolado pela polícia, autoridades militares ainda não têm informações precisas da tragédia nem dos responsáveis pelo atentado. Até o momento nenhum grupo terrorista assumiu a responsabilidade pela explosão. A suspeita tem recaído sobre o grupo islâmico Boko Haram e segundo as mídias locais, a maioria dos passageiros eram cristãos, que já deveriam ter se mudado para o sul do país, onde é o reduto dos não-mussulmanos.

   O site "Vanguard" disse que esta foi parte de uma sequência de explosões deflagradas em diversas regiões do estado de Kano. disse ainda que após a explosão, algumas pessoas deixaram o ônibus com as roupas em chamas.

   De acordo com "Naiji", o Presidente Jonathan condenou o ataque que classificou como "um incidente bárbaro".

Artigo em Destaque

EDITORIAL - O Brasil é perfeito para quem não teme o trabalho honesto

Temos que combater os esforços da mídia paga, que visa fazer as pessoas amarem mais o mal que o bem. Se você concorda leia, comente e compa...

Leia também: