quarta-feira, janeiro 16, 2013

Síria: Ataque aéreo deixa 83 mortos em bombardeio à Universidade de Aleppo.

Após o bombardeio aéreo da Universidade de Aleppo na manhã desta terça-feira, que segundo o site chinês "ifeng" deixou pelo menos 83 mortos; o regime sírio divulgou que o incidente foi provocado por ataque terrorista usando um carro bomba. Outra fonte ligada ao regime sírio na Ucrânia disse que foram dois carros bombas. Mas ativistas garantem que o ataque não foi realizado por grupos terroristas e sim pela força aérea síria.

Por Saulo Valley - Rio de Janeiro, 16 de Janeiro de 2013 - 05:53 GMT-3



Aleppo é uma cidade independente e é em sua maioria oposição ao regime do ditador Bashar Alassad.  De acordo com site chinês "Ifeng", dois foguetes com (Carga de fragmentação) atingiram o setor de "Engenharia da Informação", tendo citado o HRW como publicado uma nota condenando o uso deste tipo de ogiva, que é proibida por leis e tratados internacionais.

O objetivo do ataque não foi claro. Muitos estudantes e residentes ficaram feridos e o país segue em estado de choque à cada novo ato de completa crueldade do líder Bashar Al-Assad, que ontem anunciou se candidatar à re-eleição no próximo ano.

Artigo em Destaque

EDITORIAL - O Brasil é perfeito para quem não teme o trabalho honesto

Temos que combater os esforços da mídia paga, que visa fazer as pessoas amarem mais o mal que o bem. Se você concorda leia, comente e compa...

Leia também: