quinta-feira, dezembro 20, 2012

Quarta-feira violenta matou 64 civis na Síria diz OSDH

O Observatório Sírio para os Direitos Humanos informou há pouco que 170 pessoas foram mortas nos confrontos entre as forças do regime sírio em as forças rebeldes. Destaque para a morte de 64 civis desarmados.


Enquanto alassad afirmava que quem matava civis eram terroristas, o tanque do regime
carrega a foto do presidente para impor terror na população opositora ao seu governo.
Por Saulo Valley - Rio de Janeiro, 20 de Dezembro de 2012 - 13:40 GMT-3

A violência sem limites do regime sírio e o silêncio ensurdecedor da comunidade internacional são os responsáveis pelo gigante número de mortes diárias na Síria. Mortandade que só se compara com a tentativa fracassada de tirar Hafez Assad (pai do atual presidente) do poder que resultou no massacre de 45 mil pessoas , e outras 25 mil ficaram desaparecidas.

Nem por isto Hafez Assad chegou a sofrer qualquer qualquer arranhão da justiça. Morreu por doenças comuns oito anos depois. E este legado visivelmente foi transferido para seu filho mais moço. Bashar Al-assad, que teria ido para a Inglaterra se formar em "Oftalmologia", mas com a morte de seu pai nem conseguiu concluir o curso,  não poderia voltar de lá perito em diplomacia e no jogo do poder da noite para o dia. Suas estratégias e ações, apoiadas pelo partido único Ba'ath são no mínimo assombrosas demais para um oftalmologista não-diplomado.

Sua crueldade e frieza já foi louvada nas alturas por seu irmão Maher Assad, anunciado com morto pela agência de notícias do governo, as ativistas e rebeldes da oposição acreditam que ele esteja fora do país com as duas pernas amputadas por um ataque do FSA há pouco mais de 1 ano.

Crueldade e frieza de Hafez assad , seu pai também foi elogiada por Saddam Hussein, que demonstrou muito temor e respeito por suas tropas. Em 1983, Saddam foi convidado para assistir uma demonstração da tropa do Exército sírio e após a demonstração, Saddam se mostrou assombrado com a agressividade das meninas que comiam serpentes vivas diante de todos e dos jovens recrutas que caçavam cães e esfaqueavam até além da morte. Este fato já foi publicado aqui há mais de 1 ano.

Crueldade e frieza na morte de um homem idoso que foi atingido por um sniper quando ia comprar gás de cozinha em sua bicicleta. Ninguém podia retirar o corpo, por causa do atirador, que tentava matar o primeiro que se aproximasse.

Crueldade e frieza nos dias de hoje e a morte de 106 pessoas envolvidas no combate desta quarta-feira.


  • Do lado rebelde 58 lutadores foram martirizados em combate. 
  • Do lado do governo 27 soldados e 5 desertores. Ainda 4 membros do Exército da Libertação Palestina.
  • 6 civis não foram identificados e outros 64 informados às autoridades competentes.


Um pedido de socorro foi enviado por celular pela rede social twitter de moradores da cidade de Aleppo na manhã desta quarta com a seguinte mensagem: 

I am sending out an SOS on behalf of the citizens of Aleppo. thousands will soon die of hunger & cold, we need aid immediately
"Estou enviando um SOS em nome dos cidadãos de Aleppo. milhares em breve vão morrer de fome e frio, que precisam de ajuda imediatamente # Síria"


A agência CBS News informou há 30 minutos que o regime sírio lançou pelo menos 6 mísseis Scud contra base rebelde em Aleppo durante esta noite.

.' David Martin reports: Syria launched half dozen Scud missiles over night from base in Damascus at a rebel-held base near Alleppo

Artigo em Destaque

EDITORIAL - O Brasil é perfeito para quem não teme o trabalho honesto

Temos que combater os esforços da mídia paga, que visa fazer as pessoas amarem mais o mal que o bem. Se você concorda leia, comente e compa...

Leia também: