Pular para o conteúdo principal

Translate this Page

Natal no Rio é Natal sem água encanada. Como fazer a Ceia?

O pobre se esforça o ano todo pra juntar um dinheirinho. Vem pagando longas prestações e trabalhando dobrado pra que no fim do ano, consiga realizar uma linda festa de natal ao lado de seus filhos, familiares e amigos mais chegados. Quando os preparativos começam às vésperas da grande festa: Não tem água encanada.


Por falta dágua a população pobre precisa comprar carros-pipa, mas pra regar
grama, nunca falta. Acontece em Sepetiba. Foto: Saulo Valley
Por Saulo Valley - Rio de Janeiro, 16 de Dezembro de 2012 - 17:57 GMT-3
Atualização: 20:10

Daqui até o fim do ano será a mesma agonia de todos os anos. No Bairro Penha, por exemplo as comunidades estão penando desde a chegada do calor, ou seja há muito tempo. Estive na Vila Cruzeiro conversando com as pessoas, mas antes de reproduzir aqui nestas linhas, o que elas dizem, deixe-me expressar as minhas impressões como Observador da vida cotidiana:

As pessoas estão na maior correria. Os supermercados estão lotados e as feiras-livres estão tendo o maior lucro do ano. Tudo indo às mil maravilhas para o comércio aquecido de alimentos, exceto para o outro lado da moeda. Os consumidores da Zona norte do Rio, que em sua maioria, estão numa verdadeira berlinda.

Ao sair do supermercado eles mal conseguem se mover, de tantas sacolas abarrotadas de comida. Muitos preferem pegar táxi, outros enchem seus carros de passeio de compras e outros se arriscam nas vans e nos ônibus. É a vida, mas cada um precisa chegar de volta a seu lar para os preparativos da ceia de Natal!

Como formiguinhas agitadas e super ocupadas, a multidão de pessoas corre para levar mantimentos pra casa e voltar depois pra buscar mais comida. Uma verdadeira correria. cada vez que se chega em casa, percebe-se que falta mais alguma coisa...

Então depois de deixar a geladeira quase sem poder fechar as portas (quando não se tem freezer) volta correndo para o mercado. Legal isso, mas quando percorremos os lugares mais humildes desta "Cidade Maravilhosa" e pesarosa para a maioria, vemos que elas não terão o Natal do jeito que aparece na TV.

Porque no meio de tanta correria pela compra de alimentos há o que se pensar, pois a escassez de água é uma realidade. Com tantos mantimentos perecíveis estocados, um calor assombroso e uma seca danada, com é que as famílias podem realizar o banquete dos sonhos?

Na noite de Natal, as crianças estão esperando realizar muitos de seus sonhos,
uma realidade que para os pais é quase um pesadelo. Foto: Saulo Valley
Na Vila Cruzeiro, é um tal de crianças entre 6  e 12 anos carregando vasilhas com água morro acima... dá muita dó. Sempre acompanhadas de suas mães, os miudinhos se esforçam pra levar este líquido sagrado, a fim de ter a alegria de comer coisas deliciosas, que quase sempre não tiveram acesso o ano inteiro.

Para quem mora nas comunidades instaladas nos morros da cidade, onde a água da CEDAE quase nunca chega, é um "Deus nos acuda!" Pra falar a verdade, há muitos que preferem ficar só no churrasquinho com umas bebidas com álcool e refrigerantes pras crianças...

Um esforço sobre-humano que não dá pra superar a ausência do estado nestas regiões, e até mesmo a falta de interesse em regularizar as infra-estruturas desses verdadeiros bairros verticais. Diga-se de passagem o comércio sofre até demais com isso. Bares, lanchonetes e restaurantes acabam fazendo das tripas, coração para continuar o atendimento, quando (no meio da madrugada) não entra água para abastecer o depósito.

Conversando com o Sr. Celso, que é Presidente da Associação de Moradores da Vila Cruzeiro, fiquei sabendo que nem a sua casa está livre da falta de água. Não é diferente das ruas que ligam os Morros da Vila-Cruzeiro, Merindiba e Chatuba ao centro comercial da Penha. A maioria das residências recebe uma ínfima quantidade de água durante a madrugada. Há ruas como a José Rucas e Nossa Senhora da Penha que durante todo quase o ano só um lado da rua recebe água...

Praça Panamericana - Sr. Édson R. Fonseca - Aposentado - Foto Saulo Valley

No outro lado da estação, não é diferente. No lado que é considerado mais nobre da Penha só se ouve reclamações o ano inteiro. Idosos que acordam todas as noites as 03:00 da madrugada para conseguir pegar uns baldes de água e levar pra dentro de casa, já que a bendita cuja, nem tem forças pra subir nas caixas dágua! É a reclamação do aposentado sr Édson, que mora perto da Praça Panamericana. Ele foi operado diversas vezes. Utiliza prótese de platina no Cox e diversas lesões na coluna cervical, depois de longos anos servindo ao país como Paraquedista,  teve seu pagamento em forma de diversas complicações de saúde. Mesmo assim, passa muitas noites esperando ouvir o adorável som das gotas de água caindo nos baldes, colocados embaixo da torneira do jardim.

Via Facebook, o comerciante Edson X. dos Santos comentou:

"Olá amigo Saulo Valley.Tudo bem? Concordo com você sobre a falta d'água na Penha.Tá uma vergonha,sem falar que tenho que sempre estar ligando bomba d'água com isso aumentando minha conta de luz."

Continua...

Postagens mais visitadas deste blog

A nova vida do Advogado Ércio Quaresma ex-defensor do Bruno Goleiro.

Ele subiu ao topo. Tornou-se um dos defensores mais admirados no cenário jurídico. Por um contrato milionário, foi defensor do Bruno, Goleiro do Flamengo, no caso do assassinato de sua namorada Elisa Samúdio, até que foi pego se drogando em uma cracolândia na região metropolitana de Belo Horizonte.


Por Saulo Valley - Rio de Janeiro, 25 de Novembro de 2011 - 07h26min.
O Dr. Ércio Quaresma foi professor de Direito na UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais). Durante mais de 20 anos de carreira, cometeu deslizes não muito comuns, em se tratando de pessoas do seu nível e de sua formação; Por outro lado foi realizou defesas espantosas, dignas de meste. Se especializou na defesa de acusados de crimes hediondos por assassinato em 1º Grau obtendo bons resultados quase sempre. Isto porque em alguns casos o criminoso era indefensável, digno de toda culpabilidade e nada mais lhe restaria a não ser a pena máxima.

Mesmo assim sua experiência na defesa de criminosos praticamente condenados foi ex…

Tecnologia: Conheça "Psiphon" cryptograma que fura bloqueios de acessos à internet contra ditaduras.

O Psiphon é o programa de código aberto desenvolvido para ser distribuído livremente para permitir que países, cujos governos censuram o uso da internet e monitoram ligações feitas com o Skype não consigam detectar a conexão.


Por Saulo Valley - Rio de Janeiro, 23 de Novembro de 2011 - 07h54min.

Tudo começou quando o Jornalista Ivan Watson da CNN recebeu uma ligação de um jovem ativista sírio de pseudo Musaab al Hussaini via Skype. Além de denunciar a situação no seu país em tempo real, ele descreveu o grau de libertação que o anti-tracker Psiphon lhe proporcionou:



A empresa
A Psiphon Inc. é uma empresa de software que decidiu investir num sistema que pudesse ser adaptado a diferentes situações no mundo. Ele pode ser adaptado de acordo com cada tecnologia de bloqueio e de vigilância utilizado pelos governos, regimes, ditaduras e reinos  no mundo, bastando que desenvolvedores estejam inclinados a utilizar seu código fonte como base da programação.
"Nós da Psiphon acreditamos que a Inter…

Nigéria: Menina de 13 anos escrava sexual de 550 homens.

Um alerta para os pais: A menina "A" tinha 13 anos quando sua tia pediu aos seus pais autorização para levá-la de Akuda, no estado de Akwa Ibom para outra cidade, sob a promessa de que receberia melhor tratamento e teria melhores condições de estudo..
Por Saulo Valley - Rio de Janeiro, 18 de Janeiro de 2012 - 10h17min.
Segundo a fonte nigeriana "PM News", a menina contou para a polícia que após seus pais terem autorizado a sua ida para o estado nigeriano de Lagos com sua tia, esta mesma a levou para um hotel. Lá  acriança contou que ganhou uma mini-saia, vestidos do tipo "tubo" e um quarto. De acordo com o testemunho da menina ainda, sua tia conhecida apenas como "vitória", teria ensinado como se comportar com os homens.
Até então a menina contou que não entendia o que estava acontecendo "até que começaram a chegar os homens". A fonte citando a menina disse que  ela percebeu que cada uma das outras meninas levavam seus "fregueses&qu…

Aliaa Magda ElMahdy nua é desejada, perseguida, processada, linchada e morta. Um símbolo?

Ela nem se considerava bonita, muito menos sexy. Decidiu se expor como forma de denunciar de modo marcante, o abuso sexual que as mulheres egípcias sofrem, espancamentos e indiscriminação, mas no campo da religião, Aliaa Magda é tida como um monstro.


Por Saulo Valley - Rio de Janeiro, 03 de Dezembro de 2011 - 06h50min.
 De adolescente a mulher. De ativista a símbolo sexual. Sua decisão de mostrar sua foto numa numa página de blog chocou o Egito, a comunidade islâmica e o mundo árabe. Adquiriu admiração de muitas mulheres que nunca tiveram coragem para fazer o mesmo, embora tivessem desejo. Seu blog atualmente registra mais de 4.400.000 visitantes embora a impacto inicial tenha passado, sua nudez lhe rendeu muita popularidade e muitos problemas. Aliaa saiu do "Blogger" para as ruas:


Nas ruas foi odiada. Foi linchada, ficando bastante machucada. Mais tarde os linchadores descobriram que haviam espancado a moça errada. Não era Aliaa. O ódio da comunidade islâmica lhe rendeu ameaç…

Blue Whale 1 - O game da morte em nome da Baleia Azul

Blue Whale: O jogo da morte induz adolescentes ao suicídio via Redes Sociais e Skype já fez mais de 130 mortes entre Rússia e Europa, mas já tem adeptos no Brasil - Continue Lendo:


Por Saulo Valley - O Observador do Mundo - Rio de Janeiro, 09/04/2017

Poderia ser uma lenda urbana.. Mas o game "Blue Whale" (Baleia Azul) se tornou viral na Europa e na Rússia (desde 2014) deixando pais e as autoridades locais em completo alerta. O game que usa basicamente as redes sociais também promove encontros e eventos fora da web, reunindo suicidas depressivos adolescentes em espantosa e crescente comunidade.

Nos últimos 3 dias as agências internacionais começaram a alertar ao mundo sobre este jogo de auto-flagelação que culmina no suicídio. Os administradores do grupo exercem grandes pressões para garantir que o grupo seja unido, confiável e fiel aos propósitos malignos a que se propõe sem questionamentos.

Uma adolescente disse ao Saulo Valley Notícias que tem a informação de que quando o …

Brasil: país estarrecido com corrupção presidencial faz silêncio doloroso

Nos últimos 15 anos o povo brasileiro já viu de tudo que não queria ou não esperava ver acontecendo na administração pública. Hoje um silêncio profundo e ensurdecedor ecoa pelos ares, acompanhado de lágrimas secas desesperadas, engolidas pelo choque dos graves acontecimentos da crise moral-política que a nação vive hoje - Continue Lendo e compartilhe


Por Saulo Valley - O Observador do Mundo - Rio de Janeiro,  de Agosto de 2017

O barulho é ensurdecedor. As TVs ligadas em volumes mais elevados que o normal. Todos sintonizam seus aparelhos nos mesmos conteúdos. A reportagem vai derramando, como numa avalanche uma aterrorizante sequência de ondas de notícias trágicas e desesperadoras.

Os debates nas ruas terminaram. As opiniões já não importa. Antigos partidaristas agora não sabem mais o que defender, se direita ou esquerda. Todos estavam errados.. Dolorosa realidade vai formando uma nova onda de reações silenciosas e quase imperceptíveis. São pequenos espasmos pós-trauma. O país virou a…