quinta-feira, fevereiro 09, 2012

BLOG até 2011 era liberdade de expressão. Em 2012 enfrenta repressão.

Governos do mundo inteiro se encontraram numa grande turbulência quando se acharam completamente cercados por manifestações populares por todo o mundo. Culpados pelo sistema, as redes sociais e os Blogs agora enfrentam a maior repressão internacional da história da internet.

Foto: "The human right of the freedom of expression" Cortesia  Indigostern
Creative Commons
Por Saulo Valley - Rio de Janeiro, 09 de Fevereiro de 2012 - 11h45min.

No primeiro momento a criação, bem como a difusão da cultura do "blog" foi estimulada por todas as organizações mundiais, como forma de incentivar a liberdade de expressão do povo. Os blogs fizeram tanto sucesso que nos últimos 3 anos quase todas as empresas de3 comunicação na internet, adicionaram páginas de blogs para seus escritores.

Em 2011 os blogs e os microblogs foram identificados com principais responsáveis pela agitação das massas, levando bilhares de pessoas às ruas para protestar contra seus respectivos governos. Nunca tantos blogueiros foram perseguidos, condenados e mortos por suas críticas aos governos e por exercerem influências nos maiores levantes mundiais.

De Aliaa Magda El-Mahedy, que foi a primeira jovem árabe a lançar um blog de louvor à nudez aos blogues chineses que levaram pelo menos 4 escritores a condenações de 10 anos de prisão cada, em menos de 30 dias. Na Síria os blogueiros são identificados como "Ativistas" e são perseguidos pelo Serviço de Inteligência do regime sírio. Seguindo o mesmo exemplo, escritores de blogues e microblogues árabes no Irã, Marrocos, Arábia Saudita, Bahrein, Iémen e diversos outros países têm encontrado a repressão, perseguição, quando não a morte, como vários blogueiros que já foram condenados à forca pela ditadura de Ahmadinejad, o líder iraniano.

Foto cortesia: "sha3teely" sob Creative Commons
No México a perseguição de blogueiros tornou-se uma prática e estes escritores foram pagos com a morte brutal. Pelo menos 3 deles foram degolados em 2011.

Como se não bastasse, acordos bilaterais entre países atacados por pesados protestos populares, sob a liderança dos Estados Unidos, que mais sofreu com a liberdade de expressão dos internautas, agora lançam novo protocolo que visa limitar a liberdade das massas. As políticas de privacidade cada vez mais apertadas, já reprimem as velhas práticas de compartilhamento, sem falar que agora são permitidos (quase que obrigados), a utilização de softwares que levantam os dados de todos os internautas conectados, suas máquinas e localizações geográficas. Cada uma de suas palavras são rastreadas e seus pensamentos são reprimidos por frases do tipo:

"Não foi possível publicar este texto, por favor tente mais tarde" ou "Você já disse isto antes". Estas são algumas das formas disfarçadas para bloquear publicações consideradas nocivas à estabilidade política/econômica global. A introdução do Google Panda tem sido uma grande ferramenta de repressão à liberdade de expressão, feita exclusivamente para as páginas com formato de "Blog".

Até imagens e vídeos de uso ou distribuição diretamente autorizados pelos usuários titulares, são perseguidos pelas atuais estruturas impostas pela ACTA. Seguindo uma tendência mundial pelo silenciamento da liberdade de expressão defendida antes pelas mesmas entidades e países, a internet tende a ser o lugar mais difícil de se expressar com liberdade. Nada de enviar para seu amigo aquela foto que você achou divertida, ou aquela canção que você achou a cara dele... Não se você é um blogueiro. Para publicar qualquer coisa num blog nos dias atuais, você precisa ter pelo menos uma faculdade na área, porque as regras são confusas, nenhum help on-line te esclarece e você é automaticamente sancionado sem qualquer aviso.

Se continuar deste jeito, o blog será mais uma ferramenta de época que deixará de ser utilizada, como as salas de bate-papo dos anos 90,  e ganhar o destaque de "blogueiro" poderá representar um risco para si e todos à sua volta.

Resumindo a "Liberdade de Expressão" está seguindo neste sentido: Você é livre para escrever o que quiser, deste que use palavras, frases e imagens permitidas desde que não se importe de  enfrentar pressões, sanções ou a morte.

Artigo em Destaque

EDITORIAL - O Brasil é perfeito para quem não teme o trabalho honesto

Temos que combater os esforços da mídia paga, que visa fazer as pessoas amarem mais o mal que o bem. Se você concorda leia, comente e compa...

Leia também: