sábado, novembro 05, 2011

Tendência Mubbarak ou Kaddafi, qual destino os ditadores vão seguir?

A ditadura está com dias contados. Para os ditadores de plantão, só restam duas alternativas: Sair pacíficamente ou ser destruído pelo povo. É inevitável e irreversível. Não há mais espaço para ditaduras no mundo moderno e próxima tendências será: A caça implacável à corrupção política, não acredita?

Movimento Contra Corrupção - Foto Saulo Valley
Por Saulo Valley - Rio de Janeiro, 05 de Novembro de 2011 - 06h48min.

Senhor ditador: O tempo se está esgotando e alguma coisa precisa ser feita. Em meio ao mundo cada vez mais globalizado, ou seja; cada vez mais coeso, unido, unânime, solidário e informado, algumas coisas destoam desta realidade e são completamente incompatíveis. Para quem apostava numa terceira guerra mundial cujos resultados só interessariam para ditadores e governos autoritários e capitalistas... Não acontecerá!

Na sombra da caça aos ditadores e regimes egocêntricos e gananciosos, a corrupção é um segundo problema grave no planeta e os anti-corpos do organismo da humanidade contemporânea estão rejeitando com todas as suas forças.

Sem nos esquecer-nos dos líderes internacionais, os líderes locais são a essência do problema global:
Movimento Contra Corrupção - Foto Saulo Valley

Corrupção Política

O mundo exige o fim da corrupção política mas persegue os vereadores e deputados. Eles estão ali por terem sido escolhidos, porque sem a permissão dos partidos não estariam! Ninguém é eleito pelo voto do povo. A quantidade de votos que um candidato traz consigo só contará em seu favor se for recebido no corpo da organização. Para isto deverá aceitar os termos e condições do sistema. Homens limpos e honestos jamais serão aceitos pelos partidos. Seus milhares de votos serão transferidos para os candidatos mais prováveis e mais adaptáveis ao ambiente de completa corrupção. Ninguém apoiará um candidato que não trouxer consigo um "pacote de vantagens". Por estes crimes serem a base política nacional é que o voto é obrigatório no Brasil. São os partidos que controlam do presidente ao eleitor. Da justiça à economia. Das leis que regem o país, às leis que regem o crime organizado. Combater a corrupção sem fazer uma limpeza nos partidos e não remodelar a forma como eles atuam e seus vastos campos de atuação, é pedir para que tudo continue na mesma.

É por isto que a Síria sofre. Ao redor do criminoso Bashar Al-Assad, há criminosos ainda maiores e mais violentos: O Partido Ba'ath. Ele é responsável pela desolação do Iraque e pelo caos da Síria. Partidos que comandam a política e o crime organizado precisam sem dissolvidos pelo esforço popular!

Photo Courtesy of TimeCNN-Licensed Under Creative Commons
Corrupção Policial

Como exemplo quero citar o Brasil. Uma luta de mais de 30 anos contra o crime organizado e ele só mudou de cara e de dono. Porque o crime organizado sempre foi alimentado por pessoas no poder, que na verdade são os verdadeiros donos do crime.

Se no combate às quadrilhas do tráfico de drogas, atacar os soldados pouco resolve, porque no combate à corrupção policial apenas os soldados são perseguidos, se eles recebem ordens expressas diárias de seus comandantes com listas de tarefas criminosas e o montante em dinheiro determinado para ser garimpado e entregue até o fim do dia?

Enquanto os próprios chefes das quadrilhas e dos batalhões comandam a caça à soldados corruptos, quando veremos o fim da corrupção e do crime organizado? Pois se há soldados corruptos é porque há comandantes corruptos, e no meio de tanta corrupção, como um organização policial se mantém limpa? Não se mantém!

Acima dos comandantes de batalhões, os comandantes gerais praticam seus crimes de níveis infinitamente maiores e inimagináveis. Eles estão ali por nomeação direta do Governo do Estado. E quando um Governo de estado enfrenta varredura e investigação? Se ao deixar o cargo, seu substituto exigir sindicância, mas se forem do mesmo lado, nunca ocorrerá.

Quem combaterá a corrupção nestes âmbitos?

Artigo em Destaque

EDITORIAL - O Brasil é perfeito para quem não teme o trabalho honesto

Temos que combater os esforços da mídia paga, que visa fazer as pessoas amarem mais o mal que o bem. Se você concorda leia, comente e compa...

Leia também: