sexta-feira, novembro 11, 2011

Síria: Forças de ocupação usam residências como base de operações.

A nova estratégia síria consiste na ocupação de residências e utilizá-las como base militar. A intenção é fugir da vista dos dissidentes, que em Agosto eram vorazmente perseguidos por gigantescas tropas equipadas com tanques, hoje são os predadores, cujas manobras tem sido muito bem sucedidas.

Novos dissidentes em Idlib - Snapshot
Por Saulo Valley -Rio de Janeiro, 11 de Novembro de 2011 - 10h35min.

Indetectáveis, os dissidentes do exército sírio estão se tornando o pesadelo do regime. Utilizando estratégias de guerrilha e progredindo silenciosamente, invisívelmente, preparando emboscadas e armadilhas, o Exército Livre tem não só driblado o exército regular, realizando operações bem sucedidas com número de baixas zero em quase todos os assaltos às bases de ocupação, mas tem vencido a falta de recursos, armas e munições.


Diferente em tudo da revolução líbia, nem mesmo os carros e tanques sírios têm sido reaproveitados pela oposição que continua realizando ataques surpresas em postos de conferência (identificação), comboios e até mesmo os reforços tem sido completamente dizimados, antes mesmos de chegarem ao lugar de desígnio.

Logo do Batalhão do exército
sírio livre Khaled Bin Al Waleed
Para piorar a situação contra Bashar Al-Assad, um dos mais sanguinários ditadores que o  mundo árabe já viu, as rebeliões dentro das tropas regulares estão acontecendo em escala gigantesca. Brigadas e batalhões rachados ao meio em defesa dos populares que voltam às ruas com mais vontade de ver o fim do regime que tirou nota ZERO na matéria Governo. Na cidade de Rastan, o toque de recolher imposto há 3 semanas está sendo respondido pelo Exército Livre que declarou:

"Em resposta ao toque de recolher pela terceira semana sobre a cidade de Rastan e atirar nas pessoas nas ruas, não vamos deixar este ato de estames de gangues, sem as resposta e eles vão ter um toque de recolher na estrada internacional de todos os veículos e os veículos do Exército."
Denúncias
  •  A Revolução Síria denunciou a estratégia do regime de ocultar  veículos, ônibus, tanques e arsenal de guerra no parque de recreação infantil em Homs, no bairro do Estadio.
  • No distrito Goutha a agência Ugarit News informou um esquema de prisões massivas em andamento e que em Idlib manifestação popular para confirmar que o BCN (Conselho Nacional) criado pelo regime sírio, utilizando seus funcionários da oposição) não representa a voz popular.
  • O povo sírio sai às ruas hoje para pedir o congelamento da Síria no Conselho de Ministros. Eles querem a suspensão do acordo entre Bashar Al-Assad e a Liga, a retirada de todos os embaixadores árabes do país e a implantação de uma proibição forçada contra o exército nas ruas.
  • Um recado que o Exército sírio tem enviado para a Liga Árabe é que seus ataques ao exército sírio têm sido em resposta direta aos ataques militares contra civis indefesos e desarmados.
Video: Povo sírio vai às ruas pedir o congelamento da Síria na Liga Árabe

Artigo em Destaque

EDITORIAL - O Brasil é perfeito para quem não teme o trabalho honesto

Temos que combater os esforços da mídia paga, que visa fazer as pessoas amarem mais o mal que o bem. Se você concorda leia, comente e compa...

Leia também: