domingo, novembro 06, 2011

Síria: 30 Mil agentes de segurança substituirão exército nas ruas.

Caminhões do exército libanês na Síria? Muitos deles! Pra completar a estratégia de "retirada do exército das ruas", a inteligência síria está iniciando a implantação de pelo menos 30 mil novos agentes de seguranças e Shabihhas para ocupar o lugar das tropas oficiais do exército.

Presença militar na arena da Asi Hama - Snapshot
Por Saulo Valley -Rio de Janeiro, 06 de Novembro de 2011 - 18h40min.

Ontem a Liga Árabe advertiu a Síria que no caso do não cumprimento do acordo resultaria numa intervenção militar internacional. No esforço de conter o massacre, que hoje resultou na morte de mais 29 pessoas, sendo que 19 só de Homs, o SNC (Conselho Nacional da Síria) fez um apelo para que a Liga Árabe transfira as negociações da Síria para as Nações Unidas, à fim de proteger o povo sírio.

Como já é do conhecimento de todos, ontem a BBC Arabic citando equipes médicas na Síria, denunciou que mais de 100 corpos estavam sendo armazenados no Hospital de Homs, mortos em menos de 48 horas.

Vídeo: Uma verdadeira operação "Anti-protesto".


Citando o site "Now Lebanon" que citou o Nabil Al-Arabi, chefe da Liga Árabe como que dizendo que "o fracasso das negociações entre o Conselho de Ministros e a Síria, pelo fim da violência poderia ter catastróficas consequências tanto para o país como para a região."

Video: Esta mulher síria, que obviamente não pode se identificar, disse que em Baba Amr um pesado bombardeio acontece de tal forma que há 5 dias não consegue voltar para casa. Ela disse ainda que perdeu seu marido e seu filho há 4 dias. Disse que todas as casas ao redor de sua residência foram demolidas pela artilharia do exército sírio.

Artigo em Destaque

EDITORIAL - O Brasil é perfeito para quem não teme o trabalho honesto

Temos que combater os esforços da mídia paga, que visa fazer as pessoas amarem mais o mal que o bem. Se você concorda leia, comente e compa...

Leia também: