terça-feira, agosto 09, 2011

Brasil: Declaração popular pelo fim do massacre na Síria

Declaração em nome do povo brasileiro para o Governo do Brasil e da Síria.

Hoje, dia 09 de Agosto de 2011 o  ministro brasileiro da relações Exteriores estará na Síria conversando pessoalmente com o governo para pedir solução pacífica para a crise. Segue abaixo nossa declaração em nome do povo brasileiro às autoridades nacionais e internacionais.


Em nome do povo brasileiro e sírio pedimos o fim das operações militares no país, o recolhimento do serviço secreto e forças auxiliares. O fim do estado de sítio, bombardeio e massivos massacres diários. O fim do corte no fornecimento de energia elétrica, alimentos, água e do ataque a escolas, universidades, mesquitas e hospitais e profissionais de saúde.

Pedimos o fim do bloqueio à ajuda humanitária bem como a destruição do patrimônio público e privado no país. Pedimos o fim das invasões nas residências e prisões aleatórias, bem como as torturas e humilhações de  crianças, mulheres, jovens, trabalhadores e idosos.

Queremos o fim dos ataques a cemitérios, o fim do ataque a funerais pacíficos, o fim da perseguição a opositores políticos ao regime e manifestantes que revindicam seus direitos universais.

Queremos a soltura imediata dos quase 16 Mil presos de consciência, mantidos sob pesadas e contínuas torturas físicas e psicológicas. A informação da localização dos mais de 1000 desaparecidos sequestrados por forças de seguranças desde o início dos protestos em 15 de Março.

Exigimos a devolução da cidadania e o direito de ir e vir. O fim do toque de recolher. O fim da proibição da comunicação direta, por telefones terrestres, ou satélites, internet e manifestações pacíficas.

Exigimos a expulsão dos mercenários estrangeiros e rejeitamos toda e qualquer relação com grupos extremistas estrangeiros armados na Síria.

Pedimos imediatamente o acesso das agências de notícias internacionais e autoridades ligadas aos direitos humanos, e de saúde na Síria, dentre as organizações o acesso da Cruz Vermelha Internacional e do Crescente Vermelho.

Se há alguma  honestidade e vontade sincera de buscar uma solução democrática para o sofrimento da Síria, estas carências no mínimo precisam ser atendidas!

Esperamos e torcemos para que o Governo Brasileiro una-se aos países interessados em dar fim a este famigerado massacre e trazer a paz que o povo sírio não vê há muito tempo.

 Por Saulo Valley - Rio de Janeiro, 09 de Agosto de 2011 - 08h32min.

Saiba qual é a noção que o governo do Brasil tem sobre a crise na Síria. Deixe sua opinião.

Artigo em Destaque

EDITORIAL - O Brasil é perfeito para quem não teme o trabalho honesto

Temos que combater os esforços da mídia paga, que visa fazer as pessoas amarem mais o mal que o bem. Se você concorda leia, comente e compa...

Leia também: